Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cartas do Japão - 4

por Teresa Ribeiro, em 04.04.10

4º dia - Consegui dormir durante a noite. Adeus jet lag, olá... chuva?! O programa de hoje inclui uma visita a Nikko, terra de samurais, que fica na montanha, a cerca de hora e meia de Tóquio. Chove torrencialmente. Nova irritação matinal.

O guia mudou. Simpático, é bem o exemplo do profissional diligente oriental. Fala para que todos o oiçam, mas o sotaque, dio mio, é terrível. Já percebi que japoneses a falar inglês são pior do que o polícia do Alô Alô. Desisto de o perceber. Acho-lhe graça, mas há que reconhecer, no terreno o tipo é um chato: debaixo de chuva torrencial é incapaz de adaptar o discurso às circunstâncias para poupar as pessoas à molha inevitável. Fica ali, trá-lá-lá, os outros guias chegam com os seus grupos, vão-se embora e o nosso continua, estoico, trá-lá-lá, trá-lá-lá.

Enquanto isso aproveito para tirar fotos tentando segurar máquina e chapéu-de-chuva ao mesmo tempo e a praguejar contra buda, que é a divindade de serviço, e portanto responsável pelo mau tempo.

O ponto forte da visita de hoje é um conjunto de magníficos templos budistas, lindos de morrer. Vale a pena ficar encharcada para ver tudo bem visto, mas não cesso de me perguntar o que seria vê-los num dia de Sol, com aqueles dourados e vermelhos avivados pela luz. Quando terminou a visita a chuva parou. É irritante, convenhamos. Digo mais uma vez a buda o que penso dele. Acho que estou lixada, com favores deste é que nunca mais posso contar. É o que faz reagir sob impulso!

Ao guia de hoje bati palmas. É um chato, mas acabou por me divertir por ser assim. Os cromos acabam sempre por me conquistar.


9 comentários

Imagem de perfil

De João Carvalho a 04.04.2010 às 11:41

Ah! Os templos imponentes, de dourados e vermelhos a contrastar com a madeira grossa e negra das pesadas estruturas que suportam uma arquitectura que os séculos não alteram.
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 04.04.2010 às 23:48

São lindos, lindos, lindos, João! E então quando a envolvente é tão bonita como Nikko a sensação que temos é que entrámos numa outra dimensão.
Sem imagem de perfil

De fernando antolin a 04.04.2010 às 12:49

murmúrio de chuva sol nascente
um cuco ao longe
inveja no longe ocaso ...


(assim a armar em haiku...grrr...boa viagem...)
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 04.04.2010 às 23:49

:)) Obrigada, Fernando.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 04.04.2010 às 19:12

Nesta altura do ano arriscas-te a apanhar muita chuva no Japão. Não me esqueço do meu baptismo em Tóquio, também em Abril: aterrei debaixo de uma chuva torrencial. Ainda no aeroporto antigo.
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 04.04.2010 às 23:51

Chato este chuveiro. Sem Sol as coisas perdem metade da graça :(
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 05.04.2010 às 00:01

Mas a chuva também tem o seu encanto. Tudo depende do contexto. Lembro-me sempre da cena final de um dos filmes da minha vida, "Boneca de Luxo" ('Breakfast at Tiffany's').
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 05.04.2010 às 00:11

Essa é uma das minhas cenas à chuva preferidas. Vem logo a seguir ao incontornável (oh! disse uma palavra que odeias!) Singing in the Rain.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 05.04.2010 às 01:51

Vê lá, Teresa... enquanto estiveres aí é melhor não praguejares muito contra o buda, ou vais ter chuva todo o resto do tempo.
:-)

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D