Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delito de Opinião

A sucata do regime sucateiro

João Carvalho, 14.02.10

O vocabulário político incluiu uma expressão curiosa: "empresas do regime". De cada vez que ouço o primeiro-ministro falar na importância das pequenas e médias empresas e nos apoios que está a pensar destinar-lhes, vem-me logo à cabeça um rol de "empresas do regime", que são as que não exportam, nem sequer produzem, mas são as maiores, com cotação na Bolsa e tudo. Vivem ricamente à custa do Estado, a desafiar o governo a lançar mais e mais obras públicas, que é o sector que as encanta e a que a política não resiste.

Por estes dias, que tanto se tem dito sobre a queda da economia do País e da ética dos políticos, volta-me de novo à ideia a mesma expressão, que me ocorre por confirmar o quanto descemos fundo. Qual é, afinal, a mais recente e tentacular "empresa do regime"? Uma sucateira, senhores. Coisa nunca antes vista: uma sucateira. Sintomático, não é?

12 comentários

Comentar post