Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Não é minha nem é Tua...

por João Carvalho, em 10.02.10

... É de quem a apanhou. «Infelizmente o prometido pelos nossos governantes já teve início. Destruir o Tua e tapá-lo com cimento. São estas as grandes obras de "estado". Estragar aquilo que a natureza ofereceu em prol de grandes negócios, como se a construção desta barragem viesse dar algum lucro ao país quando o caudal anunciado é miserável. A destruição é contínua. Ainda há dias foi encerrada a Linha Férrea de Miranda do Corvo-Coimbra, ao fim de 103 anos! O que irá a seguir?»

 

As fotos são daqui, tiradas por António José Lourenço há poucos dias.


28 comentários

Imagem de perfil

De Pedro Correia a 10.02.2010 às 01:20

Aqui está algo que me deixa totalmente revoltado. Se isto é "progresso", prefiro o retrocesso.
Sem imagem de perfil

De Maria a 10.02.2010 às 01:46

Há , pelo menos, dois dias que não comento, mas tenho-vos lido....Hoje, embora a más horas, não posso deixar de dizer qualquer coisa - bastou-me, João - uma única viagem,(acho que já lhe falei sobre isso), um tanto ao quanto acidentada, para ficar cativa da paisagem da linha do Tua...Não me me conformo....


Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 02:02

Lembro-me de ter feito uma viagem que nada teve de agradável para si. Por isso, é totalmente insuspeita.

(Já andava a estranhar a sua ausência...)
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 01:47

Já somos alguns. Mal sucedidos, é certo, mas alguns.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 10.02.2010 às 01:53

Detesto este "progresso" que é feito sobre os escombros de memórias que deviam ser preservadas.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 02:03

Completamente de acordo, como é óbvio.

Achas que devemos incluir esta matéria na manif?...
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 10.02.2010 às 02:13

Claro! Tua acima, TGV abaixo!
Sem imagem de perfil

De zeparafuso a 10.02.2010 às 09:25

Já somos dois. Pena é que o comentário da Ana Vidal não se possa tornar realidade.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 10.02.2010 às 10:59

:-) Vícios de publicitária...
Sem imagem de perfil

De Maria a 10.02.2010 às 02:30

:))
Se assim for - desloco-me ao continente e aproveito para levar à Ana Vidal - o verdelho e o queijo do Pico - já há muito prometido ....
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 10.02.2010 às 11:00

Oh, que maravilha! Maria, assim vou começar a promover manifestações mensais...
:-)
Sem imagem de perfil

De fernando antolin a 10.02.2010 às 18:12

Descobri um queijo da Graciosa que acho de "rechupete" !! Mas eu,espanhol arraçado,confesso um fraco pelas ilhas da bruma...onde há que anos e quando nem havia iluminação doméstica e pública na aldeia das Sete-Cidades,lá passei 2 ou 3 dias e olhando as Lagoas ao luar alguém me alcunhou de "coisinha r'quinha"(ler em micaelense por favor). O primeiro que se rir estrafego-o...
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 11.02.2010 às 12:00

"Coisinha r'quinha?"
Não admira que tenha ficado freguês das ilhas, Fernando...
:-)
Imagem de perfil

De João Carvalho a 11.02.2010 às 12:20

Pois estrafegue-se todo, que os queijos Terra Nostra já estão todos nas mãos dos espanhois...
Sem imagem de perfil

De Fernando Batista a 10.02.2010 às 09:08

Nao culpem os "governantes", culpem os portugueses porque sempre sabem tudo e no final elegem os políticos de sempre, os profissionais, que nao sabem mais do que levar para casa o que é dos portugueses.
Que nao sejam mais condescendentes com eles, portanto fora que ontem já era tarde.
F.B.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 10:09

Bem visto. Todos à manif?
Sem imagem de perfil

De Fernando Batista a 10.02.2010 às 09:19

Ainda sobre o que pretendem fazer no Tua, nao será que aparecem mais figuras e acbam por parar com as obras?
Deviam era conservar e por ao serviço dos turistas todas esses ramais ferroviarios regionais em lugar de distribuir milhoes a titulo de Turismo de habitaçao que nao é mais do que aumentar o patrimonio de quem já tem.
Verifiquem se todos os que receberam subsidios, a fundo perdido, estao realmente à disposiçao dos turistas. Alguns passam a resiodencias secundarias.
F.B.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 10:10

E há o problema dos carris. Se o Godinho não pode ir levantá-los, quem é que vai buscá-los?
Sem imagem de perfil

De Pedro a 10.02.2010 às 11:15

Bem, eu a linha do Tua não conheço, por isso não me pronuncio. Mas a avaliar pela acuidade da análise da “Linha Férrea de Miranda do Corvo-Coimbra”…. Primeiro não se chama assim: a linha vai de Serpins a Coimbra, e é conhecida por ramal da Lousã. Depois, a linha foi encerrada porque está em obras, para instalação do metro de superfície desde Serpins a Coimbra, com construção ainda de um ramal urbano dentro de Coimbra, inclusive com ligação aos hospitais, portanto…. Mas não quero de modo nenhum tirar a carga dramática e romântica aos “103 anos”... era fantástica e muito cómoda a chocolateira e os "turistas" que todos os dias faziam a viagem podiam ir apreciando devagarinho a paisagem, sentados ou a pé... ;)
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 12:03

Também não falo do que não sei. Mas sei que o Tua não é um caso isolado em matéria de enormidades relativas a muitas decisões sobre comboios, ramais e apeadeiros destruídos. Por sinal, muitos deles apenas deixados ao abandono mais estúpido década após década.
Sem imagem de perfil

De João André a 10.02.2010 às 12:01

A destruição das linhas de caminho de ferro em favor de linhas de TGV é algo que vejo como crime contra o progresso. Ainda há ums duas semanas vi um episódio do Top Gear em que faziam uma corrida entre um carro, uma mota e um comboio dos anos (creio que) 50 para ver qual era mais rápido. O carro era-o mas por pouco. O comboio, por outro lado, era mais confortável, mais bonito e mais romântico (além de mais eficiente, considerando a quantidade de gente que transporta). Isso fez-me lembrar do que se vai fazendo em Portugal e quase me dá vontade de gritar.

Uma nota sobre a barragem: um caudal nada tem a ver com o potencial hidroeléctrico da barragem. É a altura da coluna de água que conta. O caudal pode é influenciar quanto tempo demoraria a encher a barragem.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 13:37

Muito bem, João. Belo contributo.
Sem imagem de perfil

De Luís Reis Figueira a 10.02.2010 às 17:59

Mais uma memória que lá vai, mais uma linha histórica (e não só), destruída em nome de um progresso balofo, mais que duvidoso, para beneficiar os mesmos interesses de sempre. É com estas 'linhas' que eles se cosem e, de preferência, sempre a dois carrinhos.
Por falar em linhas e carrinhos: não é o rei da sucata que está a manobrar a maquineta e a levantar os carris?
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 20:31

Deve ser. Por telemóvel. Hehe...
Sem imagem de perfil

De rosa matias a 10.02.2010 às 21:54

"isto" é que merecia 1 manifestação!ou 1 duzia delas!Até eu, k tenho horror (ou fobia?) de multidões lá ía!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 10.02.2010 às 22:11

Eu iria, sem dúvida alguma.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 10.02.2010 às 22:29

Contava comigo, seguramente.

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D