Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delito de Opinião

Jingle Bells (7)

Leonor Barros, 16.12.09

Deve ser Natal. Não são só os Pais-Natal enforcados nas varandas e os meninos Jesus em cascata nas janelas. Não são os bolos-rei, azevias e sonhos que invadiram as pastelarias e se espraiam em tabuleiros oferecidos. Não são só as lojas permanentemente cheias, as filas para pagar, embrulhar presentes, pedir talões e cheques-brinde. Não são só as notícias dos sem-abrigo de quem ninguém se lembra nos restantes dias do ano, as acções de solidariedade mais profícuas que coelhos em Primavera, comos somos solidários e caridosos. Não são só as canções de Natal ad nauseam em tudo o que é canto. Não são só as iluminações nos monumentos e as árvores cintilantes nas rotundas. Não são só as notícias da crise nos bolsos dos portugueses e os queixumes dos comerciantes, não há Natal sem eles. Não é só tudo isto. É isto, isto e isto também. Demos Graças que é Natal. Este ano começou logo a 28 de Setembro. O Pai Natal bem pode ir engrossar as filas do desemprego.

 

 

 

7 comentários

Comentar post