Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Figura da semana (5)

por Carlos Barbosa de Oliveira, em 14.12.09

Manoel de Oliveira

 

Este homem é um fenómeno! Completou na sexta-feira 101 anos e ainda há semanas, num restaurante de Lisboa, pude testemunhar a sua pujança  física e o seu vigor intelectual. Não é para qualquer um fazer projectos aos 101 anos!
Para além de uma vida cheia, onde não faltou a prática desportiva, o amor pelos automóveis e pela velocidade (chegou a entrar em corridas), Manoel de Oliveira ainda teve tempo para ser um realizador profícuo, cuja obra ficará iniludivelmente gravada nas páginas da história do cinema. Mal amado em Portugal, mas constantemente elogiado pela crítica estrangeira, aplaudido de pé em Cannes, Berlim ou Veneza e alvo de indiferença (quando não azeda crítica) caseira, Manoel de Oliveira cumpriu o calvário de muitos génios portugueses, a quem a generosidade da alma lusa sempre regateou elogios.
Não vou ser hipócrita e dizer que sempre tive grande admiração pelo realizador. Estaria a mentir se dissesse que não bocejei ao ver “Benilde ou a Virgem Mãe” ou “Le Soulier de Satin”. Isso não me impede, porém, de dizer que, a seguir a “Cinema Paraíso”, Aniki-Bobó” foi o filme que mais me marcou em toda a vida.
Manoel de Oliveira fez o seu caminho sem cedências, certo de que estava a cumprir o seu percurso. As críticas de que foi alvo em Portugal não o impediram de percorrer o país e gravar em imagens o seu retrato, iniciado com o documentário “Douro Faina Fluvial”.
Foram também autores portugueses (especialmente Agustina) que inspiraram muitos dos seus filmes, talvez porque Manoel de Oliveira encontre neles a atmosfera apropriada ao seu estilo.
Por tudo isto, escolhi Manoel de Oliveira para figura da semana. Uma personalidade  bem contrastante com a figura que mereceu o destaque de Cromo e podem ver aqui


18 comentários

Sem imagem de perfil

De john a 14.12.2009 às 17:53

Em Abril deste ano cruzei-me com ele num evento em Lisboa, e também fiquei impressionado: aos 100 anos, Manoel de Oliveira tem mais "genica" do que eu, e eu tenho cerca de um quarto da idade dele.

Da sua obra cinematográfica conheço muito pouco, o que para todos os efeitos é uma falha minha. Corrigi-la-ei em breve, espero.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 15.12.2009 às 16:21

eu vou mais ou menos pela metade da idade dele e tenho a impressão que se me desafiasse para uam corrida de 100 metros, eu perdia.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 14.12.2009 às 18:57

Excelente, figura e cromo. Como sempre, Carlos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 14.12.2009 às 19:02

Mais do que personalidade da semana o Manoel de Oliveira merece melhor do que qualquer outro português o título de personalidade do século.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 15.12.2009 às 16:22

De qual, Pedro? Do XX ou do XXI?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 15.12.2009 às 23:40

De ambos, Carlos.
Sem imagem de perfil

De João André a 14.12.2009 às 22:06

Além de ter merecido a distinção de ter realizado um dos filmes da década de acordo (salvo erro) com o New York Times.
Sem imagem de perfil

De João André a 15.12.2009 às 10:33

bem lembrado, obrigado por me recordar o link
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 15.12.2009 às 16:29

Obrigado pelo link oportuníssimo
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 15.12.2009 às 16:26

Boa lembrança, João. Ia responder em relação à New yorker, mas um comentador atento já teve essa amabilidade
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 14.12.2009 às 23:44

Excelente, Carlos. E merecidíssimo.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 15.12.2009 às 16:27

Como diz o Pedro, merece ainda mais do que Figura da Semana, mas as figuras do século trato lá no CR
Imagem de perfil

De ariel a 15.12.2009 às 10:44

Muito bem escolhido Carlos. Aniki-Bobó é um filme à parte, mas tem outros para mim magníficos como Non ou a vã Glória de Mandar, Vale de Abraão, Um Filme Falado, o Convento"... só para citar alguns. Quanto ao cromo, sem comentários, é o tipo de gentinha que acorda a Passionária que há em mim :)))
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 15.12.2009 às 16:29

Não vi "Um filme falado", mas falaram-me bem dele.
Quanto ao cromo, há quem considere que estão a dar-lhe uma distinção que não merece, porque a caderneta é muito valiosa. Talvez tenham razão

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D