Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Descubra as diferenças

por Ana Vidal, em 18.10.09

 

Entre isto e isto, onde está a diferença?

Será possível que, em quase meio século, não tenhamos evoluído nem um milímetro?


17 comentários

Sem imagem de perfil

De Maria a 18.10.2009 às 18:59

É o "circo" na sua pior forma - andamos todos , eu inclusive preocupados como os animais de grande porte ao descuido dos profissionais das artes circenses . no entanto servimo-nos dos nossos "pares" em situação menos favorável como atracção... a troco de audiências, digo eu,
è no mínimo triste...
Imagem de perfil

De João Carvalho a 18.10.2009 às 19:20

É o que eu digo, Maria: Portugal continua a ser um triste circo. Por isso, Lisboa é uma capital do sucesso das misérias humanas. Este gosto preverso que persiste remonta a um certo passado que ficou por enterrar devidamente, vá lá saber-se porquê.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 18.10.2009 às 23:26

"Animal de gande porte" é um epíteto cruelmente aplicável a este caso, literalmente e na prática exibicionista. E é isso mesmo que me deixa envergonhada como pessoa, Maria. Triste, de facto.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 18.10.2009 às 19:13

Evoluir, evoluímos. No sentido da normalização, de 2,65m para 2,46m. Mas Lisboa continua a ser destino certo.
Começo a pensar que a lei a favor dos animais selvagens talvez não tenha sido boa ideia: tragam antes uma um canguru. Ou um gambozino...
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 18.10.2009 às 23:57

Não consigo brincar com isto, João: é inacreditável que se exibam seres humanos desta maneira, só porque são aberrações da natureza. E que se ganhe dinheiro com isso - mesmo que os próprios também lucrem alguma coisa, ou até por causa disso - ainda acho mais deplorável.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 19.10.2009 às 00:47

Tens razão.
Sem imagem de perfil

De Sara a 18.10.2009 às 21:11

Não é um mal português, já que ele tem andado por mais sítios, creio. E também não acho que seja um mal da sociedade. Como ele diz, permitiu-lhe conhecer o mundo, e com certeza ganhar algum dinheiro, que muita falta lhe deve fazer, dadas as raízes humildes e as despesas de mandar fazer roupa à medida...
Do último artigo, gostei especialmente desta parte: "Sultan (...) pesa, em média, 155 quilos".
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 18.10.2009 às 23:59

Como já disse, Sara, acho lamentável que se alimente o espectáculo de uma anomalia humana. Mesmo que beneficie o próprio, ou talvez ainda mais por isso: essa perversidade é ainda mais degradante.
Imagem de perfil

De ariel a 18.10.2009 às 21:38

Tristíssimo! não me ocorre mais nada.
Sem imagem de perfil

De mdsol a 18.10.2009 às 22:50

:((
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 18.10.2009 às 23:32

Infelizmente não evoluímos o suficiente, Ana. Vi ontem a reportagem na televisão e fiquei parva com o destaque.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 19.10.2009 às 00:03

Ariel, Maria e Leonor, sei que compreendem o que quero dizer: esta exibição é tanto mais triste e revoltante quanto mais serve para fazer dinheiro.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 19.10.2009 às 00:59

Salientaste um facto muito certo (infelizmente): Lisboa continua a ser destino certo e garantido para estes circos.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 19.10.2009 às 01:02

O que dá uma nota bem triste do país.
Sem imagem de perfil

De Maria a 19.10.2009 às 02:12

Compreendo perfeitamente, é, também, o que eu sinto. Quando falei em "grande porte", nem me ocorreu a alusão, já não sabia se a lei se referia aos animais selvagens ou/e os de grande porte - penso que se percebe.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 19.10.2009 às 12:37

Sim, claro, estava a concordar contigo.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D