Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Entretanto, nas Honduras...

por Carlos Barbosa de Oliveira, em 29.09.09

Continua  a hipocrisia internacional. Perante o silêncio da UE e dos EUA, Micheletti  faz o que lhe apetece. Embora não passe de um golpista, ameaça o Brasil e lança um ultimato: se até dia 6 de Outubro não esclarecer qual o estatuto de Zelaya - o presidente eleito pelos hondurenhos que se encontra na embaixada brasileira - retira o direito do Brasil à sua missão diplomática. Não informou com que direito o faz, mas todo o mundo sabe – embora a comunicação social portuguesa finja não saber - que o faz respaldado nos milhões de dólares que os EUA estão a enviar para as Honduras, através do FMI, apoiando assim os golpistas.

É verdade que, hoje mesmo, Micheletti  recuou nas suas intenções e afirmou que não atacará a embaixada brasileira, mas isso aconteceu porque Zelaya  falou à Assembleia Geral da ONU, através de telemóvel, pedindo  “o fim da ditadura fascista de Micheletti” , o que causou algum embaraço
Perante o silêncio da comunidade internacional, alguns pensarão que Zelaya é mais um daqueles  “perigosos comunistas” democraticamente eleitos, que pretendem  defender o seu povo, libertá-lo do jugo americano e restituir-lhe a dignidade a que tem direito. Mas não. Como escreve Maurice Lemoine no  “Le Monde Diplomathique” , Zelaya  é um fazendeiro eleito pelo centro-direita que cometeu dois pecados: aumentou o salário mínimo e fez algumas reformas com o objectivo de retirar da miséria as classes mais desfavorecidas. Bem, é verdade que cometeu um terceiro pecado, mais relevante. Aliou-se aos países sul-americanos que pretendem libertar-se do jugo político e militar dos EUA. Ora Obama, tal como Bush, não admite que lhe estraguem o recreio onde gosta de brincar às guerras.
Entretanto, Micheletti declarou o recolher obrigatório, suspendeu as liberdades cívicas e políticas e autorizou a prisão de qualquer pessoa que seja considerada “suspeita”. Não satisfeito, encerrou uma estação de rádio e um canal de televisão, supostamente apoiantes de Zelaya, ou seja, da legalidade democrática.  Como não é Chavez, nem Morales, tudo bem cá pela urbe de idiotas encartados. Desde que apoie os EUA, permita a instalação de bases militares americanas, coarcte as liberdades cívicas em nome do superior interesse americano, passa de perigoso comunista a democrata num ápice.
Há uma coisa que não percebo de todo. Por que razão é que a direita  europeia  tem tanto medo da democracia na América Latina?  O país pode estar  à beira de uma guerra civil, graças à hipocrisia de um grupo de néscios, para quem o mercado é o único bem sagrado. Mas se a guerra eclodir, todos se vão armar em carpideiras. Só me apetece recordar aquela canção do Zeca :


“(…) Os pretos, os comunistas
Os Índios, os turcomanos
Morram todos os hirsutos!
Fiquem só os arianos!"


2 comentários

Imagem de perfil

De salvoconduto a 29.09.2009 às 18:36

Em vez de hipocrisia eu diria antes CONIVÊNCIA.

Quanto aos idiotas encartados, continuam fiéis a si próprios.
Sem imagem de perfil

De Turmalina a 01.10.2009 às 02:26

Os versos desta canção me dão arrepio!

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D