Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 20.03.17

 

O comentador de “direita”: uma profissão de futuro. De Alberto Gonçalves, no Observador.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Garra, criatividade e dinamismo

por Pedro Correia, em 17.03.17

 

Uma bela homenagem da Sónia Morais Santos à nossa Francisca.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 10.03.17

O misterioso caso do desaparecimento de Portugal. Do Alexandre Borges, no 31 da Armada.

Nova Portugalidade Summit. Do José Pimentel Teixeira, no Courelas.

O livro. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

Em desuso. De Maria do Rosário Pedreira, no Horas Extraordinárias.

Fraquezas. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

O melhor conselho que alguma vez vos poderei dar. Da Vanita, na Caixa dos Segredos.

Zip Zita. De Marina Tadeu, no Boquinhado.

Da nudez. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

O Pianista. Do Henrique Fialho, na Antologia do Esquecimento.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 20.02.17

Premiar o homicídio premeditado. Da Carla Hilário Quevedo, na Bomba Inteligente.

Desobedecer. De Rita Carreira, n' A Destreza das Dúvidas.

Das boas ideias. Da Daniela Major, no Aventar.

Trabalhos forçados. Da Zélia Parreira, no Açúcar Amarelo.

Em bicos-de-pés. Da Vanita, na Caixa dos Segredos.

O segredo da felicidade. Da Maria João Caetano, n' A Gata Christie.

Trovoada. De Ana Cássia Rebelo, na Ana de Amsterdam.

Choupos. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Mar alto, rodeada por golfinhos. Da Joana Lopes, no Entre as Brumas da Memória.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 12.02.17

Plano Nacional de Leitura. Do Rodrigo Adão da Fonseca, n' O Insurgente.

O medo. Do Pedro Rolo Duarte.

Salvar o mundo pela tesoura. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

O Brasil que aí vem. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

A cidade de Ontem. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

Passavam quinze minutos do meio-dia. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Fernanda. De Ana Moreno, no Aventar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 17.01.17

Mário Soares, um esboço biográfico (parte 1). De Vasco Pulido Valente, no Observador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 15.01.17

Tempo novo para os reformados. De Carlos Guimarães Pinto, n' O Insurgente.

Chegou o frio, televisões. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

Jornalismo de merda. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

A velha ignorância. Do José Pimentel Teixeira, no Courelas.

Así que pasen cinco años. De Francisco Miguel Valada, no Aventar.

Saudade, poesia... au tempos des amours mortes. Do Nelson Reprezas, no Espumadamente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 10.12.16

Cuba, outra vez. Do Pedro Rolo Duarte.

Na despedida de Fidel. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

Fidel e três cronistas de esquerda portugueses. Do Eremita, no Ouriquense.

Da série "Espuma dos Dias". De João Mário Ferreira de Almeida, na Quarta República.

Os Filipes e nós. Da Joana Lopes, no Entre as Brumas da Memória.

Cila e Caribdis. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Há setenta e cinco anos. De Helena Araújo, n' A Destreza das Dúvidas.

A cobra. De Sérgio Barreto Costa, no Malomil.

Amor Cão. Da Eugénia de Vasconcellos, na Cabeça de Cão.

Animais nocturnos. De Alexandre Andrade, no Cinéfilo Preguiçoso

Sigo direito. De Carlos Natálio, no Ordet.

Retornado. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Vê lá no que te metes, ó Academia! De Fernando Venâncio, no Aventar.

Capela do Rato: João que chora, João que ri. Do Henrique Monteiro, no Escrever é Triste.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 03.12.16

 

De la energía nuclear a la moringa, los proyectos inacabados de Fidel Castro

 

Despedido "como un perro" por ironizar sobre Fidel Castro

 

Estudiantes de periodismo acorralaron a Fidel Castro en una reunión secreta en 1987

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 25.11.16

Avenida da Liberdade, 266. Da Maria João Caetano, n' A Gata Christie.

Adeus, Diário de Notícias. Da Sónia Morais Santos, no Cocó na Fralda.

A insustentável insolvência da memória. Do Pedro Rolo Duarte.

O escaravelho e a Via Láctea. Da Eugénia de Vasconcellos, no Escrever é Triste.

O tempo e o lamento. De Dária, no Toda a Gente e Ninguém.

Um país de malucos ou uma agenda mediática para nos enlouquecer? De Rui Monteiro, n' A Insustentável Leveza de Liedson.

A Igreja Católica em Moçambique em novo livro de José Luzia. Do José Pimentel Teixeira, no Courelas.

Lendo nas estrelas (Michelin). Do Duarte Calvão, na Mesa Marcada.

Leonard Cohen - You Want It Darker. De Manuel Morgado, na Time Out Lx.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 19.11.16

Intelectuais mas idiotas. De Nassim Taleb.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 22.10.16

Alguns factos sobre a proposta de Orçamento de Estado. De André Lamas Leite, n' A Destreza das Dúvidas.

Segurança Social: a profundidade das medidas mediáticas. De Margarida Corrêa de Aguiar, na Quarta República.

Ligeirinho, assim como uma manada de bisontes. De Miguel Noronha, n' O Insurgente.

Bandeira da esquerda. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Salários na banca: tudo tem limites. Da Joana Lopes, no Entre as Brumas da Memória.

O Fundo Santos Silva. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Aí, Valente! De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

Orgulho e desvanecimento. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

A minha educação religiosa. De João Viegas, no Vias de Facto.

Vício solitário. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

Salão de fumo. Da Alexandra G, no Imprecisões.

O que ando a ler. De Maria do Rosário Pedreira, no Horas Extraordinárias.

Julieta (2016) de Pedro Almodóvar. De Carlos Natálio, no Ordet.

Táxi. Do José Pimentel Teixeira, no Courelas.

Mais um Até Breve! Na Chic' Ana.

Cruzei-me com os olhos da minha avó. Do António Fernando Nabais, no Aventar.

Não nos ensinam a falar ao pé da morte. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 09.10.16

Sabes que já é Outono. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Praxe. Do Filipe Nunes Vicente, no Nada os Dispõe à Acção.

Romanos. Do José Pimentel Teixeira, no Courelas.

André Gide, o contemporâneo capital. De Júlio de Magalhães, no Do Médio-Oriente e Afins.

Indigno. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Os raros poliglotas da Casa Branca. De A. Teixeira, no Herdeiro de Aécio.

Magistratura presidencial. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Pensões mínimas, justiça social e ética financeira... De Margarida Corrêa de Aguiar, na Quarta República.

Já só há dinheiro para salários. De Luís Moreira, na Banda Larga.

Motivos para criar um blogue. Da Sara, no Sar(a)casticamente.

Like. Don t like. Do Pedro Rolo Duarte.

So hard, yet, too soft. Da Alexandra G, no Imprecisões.

Como não amar? De Rita Carreira, n' A Destreza das Dúvidas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 20.09.16

O apogeu social do idiota. De Bruno Santos, no Aventar.

A austeridade que mata. De Mário Amorim Lopes, n' O Insurgente

Keynes e os keynesianeiros saloios. De Pinho Cardao, na Quarta República.

A falácia do imposto sobre o património dos "ricos". De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Sem razoes para festejar. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Afinal, o problema era a dinamica. De Suzana Toscano, na Quarta República.

O ministério das Finanças. Do Francisco José Viegas. n' A Origem das Espécies.

"E o trono é do charlatao". De Carla Romualdo, no Aventar.

Breves notas quenianas (1). Da Helena Ferro de Gouveia, na Domadora de Camaleoes.

Memória breve de ruína em ruína. Do Pedro Rolo Duarte.

É preciso sempre recomeçar. De José Carlos Alexandre, n' A Destreza das Dúvidas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 11.09.16

Afinal, o problema era a dinâmica. De Suzana Toscano, na Quarta República.

Postal da Festa do Avante (único). De Elisabete Figueiredo, no Aventar.

Onde isto já vai! Da Joana Lopes, no Entre as Brumas da Memória.

Ando cada vez mais impressionada com a falta de espelhos que abunda no mundo. Da Marisa Silva, no This is Not Simply a Metaphore.

Sobre livros e outras coisas. Da Alice Alfazema.

Um mês na Tailândia em palavras simples (e aleatórias q. b.). De Beatriz Canas Mendes, no Procrastinar Também é Viver.

Ao Sul. De Carla Romualdo, no Aventar.

A amizade é uma coisa mariquinhas. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Sagrado Coração, a vida é uma coisa, o amor é outra. Da Eugénia de Vasconcellos, na Cabeça de Cão.

Pensar bem. De Rita Carreira, n' A Destreza das Dúvidas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 03.09.16

Assusta e ilumina. Do Pedro Rolo Duarte.

As origens da pobreza. De Carlos Guimarães Pinto, n' O Insurgente.

Asli Erdogan. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

Contra a corrente. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

A República vai de "burquíni". De André Lamas Leite, n' A Destreza das Dúvidas.

Que lindo tecido que aí tens. De Vítor Cunha, no Blasfémias.

A direita da esquerda. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

Coches mereciam melhor e quem os quer ver também. De Margarida Corrêa de Aguiar, na Quarta República.

Errar nas apostas. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

Dez erros ortográficos que fazem comichão. De Guilherme Duarte, no Por Falar Noutra Coisa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 20.08.16

Convites para a bola. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

Fogo real, protecção virtual. De Pinho Cardão, na Quarta República.

Trabalho de casa. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

O rei do spin. De Rita Carreira, n' A Destreza das Dúvidas.

Operação Stop. Do José Meireles Graça, no Gremlin Literário.

Google it. Do Rodrigo Moita de Deus, no 31 da Armada.

Os incêndios e a omissão de auxílio. De Margarida Corrêa de Aguiar, na Quarta República.

Amigos do peito. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

Diga "expectativa"! De António Fernando Nabais, no Aventar.

Juro que não é embirranço... De J. Manuel Cordeiro, no Aventar.

12 Mandamentos para os próximos dias. Do Pedro Rolo Duarte.

Agosto. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

Se não publicas nada no Facebook não tens vida. Da Kikas, no Crónicas de uma Menina da Mamã.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 31.07.16

A Europa e a Turquia, agora. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

O ruído do tempo. De Sofia Loureiro dos Santos, no Defender o Quadrado.

Roubos e derrubes. De Mafalda Pratas, n ' A Destreza das Dúvidas.

O novo herói português. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Memórias dum Chefe de Gabinete, de Tomás da Fonseca. De António Araújo, no Malomil.

A gorda do Texas. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Calem-se! Do Pedro Rolo Duarte.

Desta praga não nos livramos. Da Joana Lopes, no Entre as Brumas da Memória.

As good as it gets. Da Maria João Caetano, n' A Gata Christie.

Spielberg - a herança de Disney. Do João Lopes, no Sound+Vision.

Tu mereces que Alvalade grite o teu nome, Rui. Do Cherba, na Tasca do Cherba.

Sonho de uma noite de Verão. Da Helena Ferro de Gouveia, no És a Nossa Fé.

Autoria e outros dados (tags, etc)

De blogue em blogue

por Pedro Correia, em 14.07.16

Um novo blogue assinado por Catarina e Vânia. Que nos fala de um problema grave e que continua muito escondido: a anorexia.

 

É Literal: Filipe Nunes Vicente cada vez mais virado para a poesia.

 

Blog da Grupa: boa gente reunida numa nova, colorida e divertida iniciativa blogosférica. Lá está também a nossa Helena Sacadura Cabral.

 

Parabéns ao Luís Novaes Tito, que abriu a sua Barbearia faz hoje nove anos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Brexit: a blogosfera em revista

por Pedro Correia, em 07.07.16

Dia triste para a UE. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Onde estávamos no dia do Brexit. Do João Pedro Pimenta, n' A Ágora.

51,9% vs 51,44%. Do Luís Aguiar-Conraria, n' A Destreza das Dúvidas.

Brexit. Do Filipe Nunes Vicente, no Literal.

Brexit - alerta máximo. Do Miguel Serras Pereira, no Vias de Facto.

Notas sobre o Brexit. Da Daniela Major, no Aventar.

Algumas notas sobre o referendo britânico. De Miguel Botelho Moniz, n' O Insurgente.

Bye, bye! De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

E agora, love? Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Como é que se diz depois queixem-se em inglês? De João Rodrigues, no Ladrões de Bicicletas.

O melhor do que aí vem não será melhor do que o pior do que aí está. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 06.06.16

Gostaria de ter dito isto. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Escola pública, direitos privados. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

O estado das artes. De Miguel Valle de Figueiredo, no Courelas.

Jornalismo. Da Maria Teixeira Alves, no Corta-Fitas.

Dizer merdas. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

A publicidade enganosa nos canais livres. De Psicogata, na Língua Afiada.

O meu 25 de Abril. Da Eugénia de Vasconcellos, no Cabeça de Cão.

O meu tio emprestado. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

A famosa feira do Livro de Lisboa. De Torcato, no Lorpa-quase-erudito.

Clarice Expector. Do Ricardo António Alves, na Abencerragem.

Não se vive impunemente, não se escreve impunemente. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 12.05.16

Uma escuta telefónica. De Vítor Cunha, no Blasfémias.

Família. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

BN. De Maria do Rosário Pedreira, no Horas Extraordinárias.

Da (falta de) educação. Do Carlos Azevedo, n' O Amor, Única Luz do Mundo.

Da Pedreira dos Húngaros ao Restelo. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

"Tomara que caia". De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Algumas notas sobre Eurípedes, bofetadas e cultura democrática. De Tatiana Faia, na Enfermaria 6.

Moçambique, aliás Mozambique. De Eduardo Pitta, no Da Literatura.

Fazer as pazes com o passado. Do Sr. Solitário.

Pó enamorado. Da Carla Romualdo, no Aventar.

Por quanta beleza em teus olhos viram. De António de Araújo, no Malomil.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 26.04.16

«Me invadió la tristeza y la angustia de asistir a la larga y dolorosa decadencia de un oficio ejercido con alma. La misma angustia de mi gente: los periodistas que han hecho grande el diario y que ahora sólo pueden - sólo podemos - pedir que se nos despida con la dignidad que merecemos.»

Lucía Méndez, "La dignidad de mi gente", no El Mundo

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 19.04.16

Os governos e as crises. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

Facebook, ou lá o que é. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

As putas do Panamá. Do José Meireles Graça, no Gremlin Literário.

Antologia da demagogia política. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Das propriedades mecânicas dos materiais. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Dos fundamentos democráticos. De Sofia Loureiro dos Santos, no Defender o Quadrado.

O PSD e os órgãos de soberania estrangeiros. De Miguel Madeira, no Vias de Facto.

Ser de Madrid. Da Rita Barata Silvério, na Rititi.

Ler os melhores ou simplesmente ler. N' Um Jeito Manso.

Os chico-espertos do plágio - Take 2 do Take 2. Da Maria João Nogueira, na Jonasnuts.

Belles toujours: Astrid Wiese Brinck, a dura do queijo mole. No Âncoras e Nefelibatas.

Não recordava o sangue. De Carlos Natálio, no Ordet.

Coisas destas vão sendo raras... De Margarida Corrêa de Aguiar, na Quarta República.

A neve branca das cerejeiras. Do Fernando Paulouro Neves, no Notícias do Bloqueio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 09.04.16

O discurso de Marcelo. De Beatriz Canas Mendes, no Procrastinar Também é Viver.

A felicidade... De Rita Carreira,  n' A Destreza das Dúvidas.

Coimbra, Luanda e a ironia da História. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

Discos (206). De Manuel A. Domingos, no Meia-Noite Todo o Dia.

Já não mudo. De Paulo Prudêncio, no Correntes.

49. De Pedro Góis Nogueira, no Desertações.

Os quarenta. Da Sónia Morais Santos, no Cocó na Fralda.

A Sónia. Do Pedro Rolo Duarte.

Ingerência doméstica. De Vítor Cunha, no Blasfémias.

Vícios para se fingir que se "está ocupado". Do João Pedro Pimenta, n' A Ágora.

Se eu não escrevesse aqui nada, não havia título. Vasco Barcelos, no Queria? Já Não quer?

Varandas (1998-2016). Da Carla Hilário Quevedo, na Bomba Inteligente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 24.03.16

Carta de amor a Lisboa. Da Daniela Major, no Aventar.

As saudades do Jamaica, ai. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

É vintage, é bom. De Vítor Cunha, no Blasfémias.

Um drama social. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

Pacheco e Cunhal, o quarto volume. Do Filipe Nunes Vicente, no Nada os Dispõe à Acção.

Cavaco. O último dia de uma longa carreira. De José Guinote, no Vias de Facto.

Dos empichamentos. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

O fim das maiorias de um partido. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Uma história feliz. Do Pedro Rolo Duarte.

A morte que dói. De Fernanda Leitão, no Aventar.

O meu pai gostava de dobrada com grão. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 02.03.16

Porreiro, pá. Do Filipe Tourais, n' O País do Burro.

O filme. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

O acto falhado do Bloco. Do Gabriel Silva, no Blasfémias.

Elogio à inteligência ou lá o que isso é. De Pedro Lains.

Jorge Silva Melo. De MCS, No Vazio da Onda.

Pobre Língua. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

As recentes mortes trágicas de crianças. De Miguel Madeira, no Vias de Facto.

A contrapartida. De Rita Carreira, n' A Destreza das Dúvidas.

De noite. De Carlos Natálio, no Ordet.

Mil e uma noites. Do Manuel S. Fonseca, no Escrever é Triste.

Em defesa de Pedro Chagas Freitas (e sem ter ingerido qualquer bebida alcoólica). De Alf, n' O Elogio da Derrota.

Uma memória dolorosa a revisitar. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

História de um cão moscovita. Da Carla Romualdo, no Aventar.

Uma história de amor (que eu não quero que vos falte nada). Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Eu hoje acordei assim... Da Carla Hilário Quevedo, na Bomba Inteligente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 19.02.16

Mãos largas. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 12.02.16

Coisas de mulheres. Da Maria João Caetano, n' A Gata Christe.

Simplex. De João Miranda, no Blasfémias.

OE16: acabou a austeridade. De Mário Amorim Lopes, n' O Insurgente.

E o esbulho continua. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Noutros tempos isto chamava-se trapalhada, não era? De José Carlos Alexandre, n' A Destreza das Dúvidas.

Está livre, Senhor Presidente? Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

Um desastre anunciado. De José Guinote, no Vias de Facto.

Liberais sem pátria. Do Francisco José Viegas, n' A Origem das Espécies.

Zagalo. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Vergílio Ferreira. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Um fósforo aceso. Do Pedro Rolo Duarte.

As vacas sagradas. Do Manuel S. Fonseca, no Escrever é Triste.

Livrai-nos Senhor. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 26.01.16

Não há paciência. Da Helena Matos, no Observador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 23.01.16

Uma espécie de campanha. Do João Pedro Pimenta, n' A Ágora.

Os Dutras contra Marcelo. Do João Gonçalves, no Portugal dos Pequeninos.

Fundamentalismo referendista. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Francesices. Do José Meireles Graça, no Gremlin Literário.

Brincar com o fogo. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Conversa da treta. Da Helena Matos, no Blasfémias.

Detalhes e recantos de uma declaração. Da Alexandra G, no Imprecisões.

Óleo de romã. De Ana Cássia Rebelo, na Ana de Amsterdam.

A minha velhota. De José Mário Ferreira de Almeida, na Quarta República.

A vida e Clausewitz. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

Ay mamá... Da Eugénia de Vasconcellos, no Escrever é Triste.

Rubens, palavras caras e outras gorduras. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

A morte das bibliotecas privadas. De Maria do Rosário Pedreira, no Horas Extraordinárias.

Um bocadinho de sorriso que morre. Do Pedro Rolo Duarte.

Meditações de natureza imbecil sobre o tempo. De Carlos Natálio, no Ordet.

Brixton Boy. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

Ana Lourenço. Da Anabela Mota Ribeiro.

Regresso a Maputo. De António Cabrita, no Raposas a Sul.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 10.01.16

Ler jornais (ou não). Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

Homenagem. De Pedro Lains.

A crise do jornalismo, os cinco tostões de Pacheco Pereira. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

O eterno homem providencial. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Os nomes dos terroristas. Do Nuno Costa Santos, n' O Marginal Ameno.

A luta de classes. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

A timidez e o 'piropo'. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

Nas palavras de um mensageiro. De Luís Campos, no Dias Tecidos.

Em forma de U e até outro dia. De Paulo Prudêncio, no Correntes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 13.12.15

Clara Ferreira Alves e os Contos do Gin-Tonic. De Rogério Casanova, no Observador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 08.12.15

Discordo. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

O mito da radicalização. Do Filipe Nunes Vicente, no Nada os Dispõe à Acção.

Je ne suis pas. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

As 50 sombras de Garcia Pereira. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Assoberbado. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Borgen. De João Rodrigues, no Ladrões de Bicicletas.

A maldição da felicidade. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

I can't give it up to someone else's touch. Da Marisa Silva, no This is not simply a methaphore.

Os izes. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

A simplicidade da aldeia. De J. Rentes de Carvalho, no Tempo Contado.

As couves. De Carlos Natálio, no Ordet.

Uma ideia simples para ajudar quem precisa. De João Mendes, no Aventar.

The Insólito, o restaurante da moda onde quase tudo correu mal. No Casal Mistério.

Spirit in the sky: canções hippies. Do Manuel S. Fonseca, no Escrever é Triste.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 28.11.15

Um Governo do PS com o apoio da esquerda. De José Guinote, no Vias de Facto: «Há aqui uma clara demissão que aparece disfarçada de fidelidade aos princípios.»

 

Anotações para uma estratégia. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve: «Se os partidos da Esquerda perderem o desejo, perde-se o Governo.»

 

Pequeno guia para a oposição à coligação negativa: sim, pasarán! Do Filipe Nunes Vicente, no Nada os Dispõe à Acção: «Não contemos com os iletrados da carne assada e das Jotas: um cão cego seria mais útil.»

 

Os novos camaradas. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas: «O medo leva ao oportunismo e este é um espelho do carácter.»

 

Heliogábalo. De Carlos M. Fernandes, n' O Insurgente: «Quando há dinheiro, é fácil arregimentar sabujos.»

 

Distância=angústia=lucidez. De Carlos Natálio, no Ordet: «A perda maior é apenas uma pedra maior num charco que comporta a toda a hora perdas menores, reequacionamentos de caminho.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 21.11.15

Contra o vento. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas: «"First thing first", dizem os ingleses e com razão.»

Paris. De Helena Araújo, no Dois Dedos de Conversa: «Estou a ouvir as notícias, mas só consigo pensar nas vítimas.»

Paris e os Baader-Meinhof. De Miguel, n'Um Voo Cego a Nada: «Todos sabemos como justificar o terrorismo é sempre uma falácia e uma armadilha.»

O suicídio dos polícias. Da Helena Ferro de Gouveia, na Domadora de Camaleões: «Não há como visitar o país dos polícias sem ficarmos com marcas.»

O problema da identidade. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve: «Se alguém se vestir ali não destoará entre os cortadores de cabeças do Daesh.»

Ir em cantigas. De J.Rentes de Carvalho, no Tempo Contado: «Passados os sessenta dei por mim a filtrar melhor a minha permanente sede de leitura.»

Contas de multiplicar. Da Eugénia de Vasconcellos, na Cabeça de Cão: «Escrever também é tocar de ouvido.»

Coisas esdrúxulas. De Alexandra Abranches, n'A Destreza das Dúvidas: «Todo o fio fiado por Penélope na ausência de Ulisses mais não conseguiu do que encher Ítaca de traças.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 18.11.15

Ao arrepio da história: o que quer (mesmo) o PCP do governo do PS. De Vítor Bento, no Observador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura recomendada

por Pedro Correia, em 16.11.15

Os argumentos do terrorismo. De Francisco Seixas da Costa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 14.11.15

 

11 de Novembro. Do Manuel S. Fonseca, no Escrever é Triste.

Benefício da dúvida. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Inequivocamente e muito claro. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

Clarificações. De Sofia Loureiro dos Santos, no Defender o Quadrado.

Legitimidades. Do Carlos Garcez Osório, no Aventar.

Um final de mandato com dignidade. Do João Luís Pinto, n' O Insurgente.

O que vale o compromisso de Centeno? Do Paulo Gorjão, na Bloguítica.

Notícias da Marmeleira. De Carlos do Carmo Carapinha, no McGuffin vs. The World.

Leitor livre. De Maria do Rosário Pedreira, no Horas Extraordinárias.

Meu caro amigo. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Domingo à tarde. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

A fé. De Inês Queiroz, na Princesa das Estrelas.

A bem ou a mal. Do Pedro Rolo Duarte.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 03.11.15

Passou-se. Do Gabriel Silva, no Blasfémias.

Podia, mas não era a mesma coisa. Do José Simões, no Der Terrorist.

Muito bem, muito bem. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Um zero à esquerda. Do Pedro Rolo Duarte.

Portugal sem governo de direita. De Rita I Carreira, n' A Destreza das Dúvidas.

Sinal de que você é um perigoso radical de direita. De Mário Amorim Lopes, n' O Insurgente.

Tradições. Do Miguel Madeira, no Vias de Facto.

Os princípios e a oportunidade. De Diogo Duarte Campos, no Gremlin Literário.

Já não há lugar para os cépticos. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Uma triste dúvida... Da Sara, nos Desabafos Agridoces.

Telemóveis à mesa? Não, obrigada. Da Vanessa Moreira, no Nuages Dans Mon Café.

The Lodger: uma geometria dos afectos. De Carlos Natálio, no Ordet.

O beijo de Maureen O' Hara. Do Manuel S. Fonseca, no Escrever é Triste.

Onde pára o futuro? De Daniel Carrapa, n' A Barriga de um Arquitecto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 17.10.15

Marte. Do Francisco José Viegas n' A Origem das Espécies.

Um deputado. Da Carla Hilário Quevedo, na Bomba Inteligente.

Está tudo doido. Do Pedro Rolo Duarte.

Como fez Sampaio com Santana Lopes. De João Ferreira do Amaral, no 31 da Armada.

Professor Chibanga e a dor de cabeça do Cavaco. Do Alexandre Luz, no Kapagêbê.

Francisco Assis. De Rui Albuquerque, no Blasfémias.

Não há ninguém que seja prostituta a 32%. De Vítor Cunha, no Blasfémias.

Os comunistas. De Pedro Lains.

Das indignações selectivas. De Sofia Loureiro dos Santos, no Defender o Quadrado.

Deslumbramentos. Do Paulo Guinote, n' O Meu Quintal.

Coração de romã. Da Eugénia de Vasconcellos, no Escrever é Triste.

Sempre fui uma rapariga de Outono. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

A Zona de Interesse. De Rui Ângelo Araújo, n' Os Canhões de Navarone.

João. Da Carla Romualdo, no Aventar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma peculiar grelha de análise

por Pedro Correia, em 13.10.15

27 de Maio de 2014, após a vitória do PS nas europeias:

«Não sei se o PS está consciente de que necessita de um líder capaz de em 2015 arrasar pelo voto uma coligação desastrosa que levou o País à pobreza e à desesperança. O tempo escasseia e no domingo passado foi perdida uma oportunidade histórica de o conseguir. O “aparelho” do PS está contente com a vitória alcançada? Triste contentamento, triste consolo. O PS precisa de mais ambição. António Costa, se for ele a “chegar-se à frente”, não pode recuar outra vez.»

 

19 de Junho de 2014, a favor da mudança de líder no PS:

«Não se compreende que perante os magros resultados obtidos pelo PS nas eleições europeias, perante a insatisfação manifestada pelos portugueses face aos partidos e aos actuais dirigentes políticos, incluindo o PS, António José Seguro não tenha percebido a mensagem e assumido que os portugueses pedem mudança, não apenas no governo mas também na oposição e, desde logo, no PS.»

 

5 de Outubro de 2015, após a derrota do PS nas legislativas:

«António Costa perdeu esta eleição. É um facto, e o seu maior erro foi ter pensado que o País estaria interessado em ter, pela primeira vez, um programa eleitoral quantificado, transparente e credível.»

 

5 de Outubro de 2015, contra a mudança de líder no PS:

«O PS tem, de facto, uma reflexão a fazer. Desde logo, reforçar a autoridade de António Costa para que ele e o partido possam encarar os difíceis desafios que têm pela frente. Embrenharem-se agora em lutas internas de ajustes de contas representará um verdadeiro haraquiri para o PS e para quem enveredar por esse caminho

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 07.10.15

Rescaldo. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Fim de festa. Sinais. De José Guinote, no Vias de Facto.

Um dois esquerda direita. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

Os ressabiados. Do André Abrantes Amaral, n' O Insurgente.

O M-L. Da Helena Matos, no Blasfémias.

Corbyn e o isolacionismo britânico. Do João Pedro Pimenta, n' A Ágora.

Preconceitos. Do José Meireles Graça, no Gremlin Literário.

O inútil. Da Carla Romualdo, no Aventar.

Um soninho descansado. De Maria do Rosário Pedreira, no Horas Extraordinárias.

Odisseia na linha azul. Do Pedro Picoito, no Nada os Dispõe à Acção.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 23.09.15

Aylan Kurdi. Da Carla Hilário Quevedo, na Bomba Inteligente.

As crises dos refugiados e as prosas negras. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

Socialista a sério. Do Filipe Nunes Vicente, no Nada os Dispõe à Acção.

Terra queimada. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

A duas semanas. De Pedro Magalhães.

Prós e contras (e Paulo Dentinho). Do José Pimentel Teixeira, na Ma-Schamba.

Grande Jorge Silva Melo. Do Miguel Serras Pereira, no Vias de Facto.

Som de Cristal. De Vítor Cunha, no Blasfémias.

Cartolina prima di tornare in Italia. De Elisabete Figueiredo, no Aventar.

De um arco, em Paris. De Francisco Seixas da Costa, no Duas ou Três Coisas.

A condenação da memória. Da Cristina Nobre Soares, no Em Linha Recta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 05.09.15

Choque. Do Henrique Fialho, na Antologia do Esquecimento.

Nascer igual, mas noutro lugar. Do Pedro Rolo Duarte.

Em defesa da UE na crise dos refugiados. Da Graça Canto Moniz, n' O Insurgente.

O poder da fraqueza. Do Pedro Picoito, no Nada os Dispõe à Acção.

Hipocrisias e "raízes dos problemas". Do João Pedro Pimenta, n' A Ágora.

Gut gemacht, Frau Merkel. De Pedro Norton, no Escrever é Triste.

Dois pontos (mais um) a propósito dos refugiados mediterrânicos. Do José Pimentel Teixeira, na Ma-Schamba.

Chamem-me cínico. Do Carlos Azevedo, no The Cat Scats.

Cada vez mais iguais. De José Guinote, no Vias de Facto.

Obsessão. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Liturgias. Do Luís Novaes Tito, n' A Barbearia do Senhor Luís.

À patrão. Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler

por Pedro Correia, em 18.07.15

O pai da criança. De Miguel Valle de Figueiredo, na Ma-Schamba.

Do respeito pelos outros (sobretudo nos maus momentos). Do Carlos Azevedo, no The Cat Scats.

A censura está de volta. De Carlos Guimarães Pinto, n' O Insurgente.

Socialismo na gaveta. Do Mr. Brown, n' Os Comediantes.

Já não há fantasmas. De Carla Romualdo, no Aventar.

Preservar o que é importante. Da Alexandra G, no Imprecisões.

Diário íntimo e sentimental (1). Do Luís M. Jorge, na Vida Breve.

Kalatozov. De Victor Afonso, n' O Homem que Sabia Demasiado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sugestão de leitura

por Pedro Correia, em 17.07.15

DSC07069z[1].jpg

 Fotografia: blogue O Livro das Contradisoens

 

Estas  duas reportagens blogosféricas pelos imprevistos das picadas de Timor-Leste. Simplesmente deliciosas. E as saudades que eu senti destas paisagens, que tão bem conheço...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Grécia: leituras recomendadas

por Pedro Correia, em 14.07.15

Deutschland über alles: toda a Europa está ocupada. Da Ana Sá Lopes, no i.

O preço. De Vital Moreira, na Causa Nossa (12 e 3).

Uma dúzia de balanços e perspectivas. De João Rodrigues, no Ladrões de Bicicletas.

O que o episódio grego põe à vista. De Miguel Serras Pereira, no Vias de Facto.

Vitórias e derrotas de Tsipras. Na Economia Info.

aGreekment. De António de Almeida, no Aventar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Grécia: leituras recomendadas

por Pedro Correia, em 11.07.15

A vitória da austeridade? De José Guinote, no Vias de Facto.

"Saída ordenada". De Vital Moreira, na Causa Nossa.

A táctica do Syriza. De F. Penim Redondo, no Dote Come.

Guião para ler as horas até domingo. De Francisco Louçã, no Tudo Menos Economia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler (1)

por Pedro Correia, em 09.07.15

Erguer e derrubar muros. De Jorge Carreira Maia, no Kyrie Eleison.

Cacos. De Vital Moreira, na Causa Nossa.

Venha o diabo e escolha. Do José Carlos Alexandre, n' A Destreza das Dúvidas.

O que vai mudar. De Pedro Lains.

Nada será como dantes. Do Rui Bebiano, n' A Terceira Noite.

Ainda sobre o absurdo da convocação do referendo e o beco da vitória do Não. Do Miguel Serras Pereira, no Vias de Facto.

O regresso em força dos inimigos da liberdade. Do Rodrigo Adão da Fonseca, n' O Insurgente.

A nova causa. Da Helena Matos, no Blasfémias.

Com estes companheiros de trincheira os pedantes nunca se misturam. Do Filipe Nunes Vicente, no Nada os Dispõe à Acção.

"Os socialistas não são todos iguais". Do Mr. Brown, n' Os Comediantes.

Líderes. De José Gabriel, no Aventar.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D