Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Felizmente há luar.

por Luís Menezes Leitão, em 10.11.15

Nesta crónica, Mariana Mortágua utiliza a expressão "Felizmente há luar", para se referir ao derrube pelos partidos da esquerda do governo PSD/CDS. E diz: "É a esperança que renasce. Respeitá-la, fazê-la crescer e alimentar uma sociedade capaz de se mobilizar, de exigir e confrontar, é o maior dos desafios".

 

Era difícil ter usado uma analogia mais apropriada. A expressão "Felizmente há luar", que depois deu título a uma peça de Luís de Sttau Monteiro, remete-nos para um período negro da História de Portugal, mais precisamente o 18 de Outubro de 1817, em que, no lugar que é hoje o Campo dos Mártires da Pátria, foram enforcados onze companheiros de Gomes Freire de Andrade por se terem revoltado contra o General Beresford, que então governava Portugal. Essa expressão foi na altura utilizada porque D. Miguel Pereira Forjaz, quando deu a ordem de enforcamento ao intendente geral da polícia, referiu: "é verdade que a execução se prolongará durante a noite, mas felizmente há luar e parece-me tudo tão sossegado que espero não causar prejuízo algum".

 

Hoje vai igualmente escrever-se uma página negra, desta vez na história da democracia portuguesa, com todos os sacrifícios que foram realizados nos últimos anos a serem deitados fora, indo o país pagar a factura dessa irresponsabilidade. Espero, no entanto, que esse novo governo não nos chegue a atirar para uma situação semelhante à da frase que Mariana Mortágua cita.

Autoria e outros dados (tags, etc)

À atenção do Turismo de Portugal

por Rui Rocha, em 09.11.15

Aqueles turistas que se apressam a visitar Cuba antes que aquilo mude talvez possam ir reservando viagens a Portugal para virem cá ver como isto fica depois de mudar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A notícia não refere

por Rui Rocha, em 07.11.15

Mas fontes bem informadas asseguram que está ainda garantida a devolução do gato Benny à Marta Rebelo já em Janeiro de 2016.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Olhem que sim

por Rui Rocha, em 07.11.15

40 anos depois do debate entre Soares e Cunhal, PS e PCP anunciam um acordo. A História reescreve-se como farsa. Olhem que sim, olhem que sim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Na 2ª feira os Bancos ainda abrem ou não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Encontros Costa / Jerónimo

por Rui Rocha, em 05.11.15

Questões estruturais como o Tratado Orçamental, a NATO e o corte de cabelo à Kim Jong-un continuam fora das negociações.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Como se forma um governo (2).

por Luís Menezes Leitão, em 05.11.15

A formação do governo PS-PCP-BE é seguramente um case study de um governo formado com coerência política e estabilidade, logo desde o seu primeiro dia. Uma vez que parece que o PCP e o Bloco não se conseguem entender sobre coisa nenhuma, o PS resolve o problema celebrando um acordo individual com cada um. Teremos então dois governos num só: o governo PS-PCP às segundas, quartas e sextas e o governo PS-BE às terças, quintas e sábados. Como neste governo será impossível um conselho de ministros conjunto, haverá também conselhos de ministros separados todas as semanas. Mas este governo tem todas as condições para ter sucesso, especialmente se os ministros do PCP não souberem o que os do Bloco andam a fazer e vice-versa.

 

Quando, depois de tudo isto, António Costa anunciar com pompa e circunstância este novo governo, a resposta deveria ser a hilaridade geral. De facto, isto seria cómico se não fosse trágico. Especialmente porque sabe-se muito bem quem vai pagar a conta desta brincadeira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Olha, afinal não era o Cavaco.

Autoria e outros dados (tags, etc)


O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D