Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Justin e as Beliebers

por Marta Spínola, em 11.03.13

 

 

 

Desde ontem leio opiniões, zangadas até, sobre o Justin Bieber e suas Beliebers que por esta hora estarão em êxtase a ver o seu ídolo. É claro que também vi coisas que não me passam pela cabeça: esperas de horas, tatuagens desenfreadas e patrocínio de pais em tudo isto. Não falo dos que acompanham os filhos a um concerto, à hora do concerto e não de véspera.
Eu não sei quem vai ser Justin Bieber amanhã. Associo-o a fenómenos efémeros, mas que sei eu da indústria? Se for muito mais que isso também não me surpreende. Conheço pouco, muito pouco. Arrisco mesmo dizer que conheço mais uma música de One Direction que de Justin Bieber. Isso prefaz um total de uma música de JB que pode ser cantarolada por mim. Mas tenho bom remédio se quiser conhecer mais, e zero problemas em assumi-lo caso o faça. Adiante.
Hoje está cá e vai actuar para milhares de adolescentes e pré-adolescentes que gritarão até ficarem roucas. Faz parte. Tenho lido de tudo sobre as miúdas. Não sou radical nestas coisas, nem percebo muito bem a irritação. Lembro-me bem que também fui uma delas, uma das miúdas deslumbradas. Numa outra escala, na possível há vinte/ vinte e cinco anos.
A única boysband fugaz (talvez a mais fugaz de todas) de que fui fã, julguei que era para sempre (foram uns dois meses intensos) foram os Bros. Sim, os Bros. Os tempos eram outros - era a altura em que achava que estava muito muito longe de dizer "os tempos eram outros" - eu não tinha os Bros a entrar-me casa e internet (que internet?) dentro. Eles nunca viriam cá, e tudo o que eu tinha eram posters da Bravo e PopCorn e pins comprados em centros comerciais de frequência dúbia. Passou-me ao primeiro album e mais nenhuma banda do género me apanhou. Mas soube letras de todas as que se seguiram, assumo tudo. Ainda sei algumas.
Vejo-as de gorro dos Lakers e percebo que é por ele, nem preciso de ir confirmar. Eu não cheguei a usar abre-caricas nos sapatos, mas saltei de muros com amigas "a la Bros", os manos Goss saltavam de lado e nós íamos ao céu. Nunca éramos muitas mas apenas porque, lá está, era outra altura. Menos mal, nunca apareci na televisão a jurar amor eterno a ingleses de cabelo bem cortado (lá isso...), mas eu também nunca fui muito histérica na vidinha lá fora (fora do virtual, digo).
Não faço ideia de como seria eu como Belieber, mas nunca fui de ir para a frente nos concertos, tatuagens tenho zero. Nem é certo que o fosse ver hoje, tal como amei Bono Vox toda uma adolescência e nunca (nunca) o vi ao vivo. Sou uma fã de trazer por casa, está visto.
Seja como for, sou team deixai as miúdas-desde-que-com-maneiras-conta-peso-e-medida-mas-isso-também-em-tudo-na-vidinha Beliebar à vontade. Amanhã estarão felizes e partem para outra (algumas, pelo menos).

Autoria e outros dados (tags, etc)



Posts mais comentados


Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D