Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Queremos uma esquerda "à séria"!

por Rui Rocha, em 02.03.16

xoxo.jpg

O Costa que presida ao Conselho de Ministro em fato de treino. O Carlos César que use rabo-de-cavalo. O Jerónimo de Sousa que pregue um xoxo ao Ferro Rodrigues durante o próximo debate quinzenal.

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Sem imagem de perfil

De JgMenos a 02.03.2016 às 12:51

É esquerda, é só amor...e ódio à normalidade!
Sem imagem de perfil

De ariam a 02.03.2016 às 13:23

Vão ter que inventar muito mais, quando as ordens vierem todas de Bruxelas, para não ficarem no desemprego até passam a fazer números de contorcionismo, malabarismo, acrobacia, equilibrismo, ilusionismo, não esquecendo os palhaços.
Pensando bem... dá a sensação que, alguns, até já começaram a treinar ;)
Sem imagem de perfil

De V. a 02.03.2016 às 16:24

Essa malta de esquerda nunca fica no desemprego, nem com salários em atraso. Nós é que ficamos porque para eles terem as regalias que nunca mereceram estrangulam quem trabalha nas empresas e no sector privado. (muitos são retornados e têm agora reformas bem confortáveis para as quais nunca descontaram, nem os cursos superiores que dizem ter. Só tiveram de ser do partido certo e fazer as merdas certas para garantir o seu quinhão e passar à frente de todos os outros.)
Sem imagem de perfil

De ariam a 02.03.2016 às 19:22

Nem imagina o quanto eu poderia falar desse assunto, especialmente, na época pós 25 de Abril. Consegui nunca me inscrever em Partido nenhum, mesmo vendo que, nessa altura, só houvesse emprego para os "escolhidos" e se, nessa altura, nunca me vendi em troca de nada, muito menos agora. Por isso, me sinto sempre livre de falar sobre qualquer Partido porque tudo o consegui foi, unicamente, com o meu esforço, cheguei a trabalhar 14 horas diárias, levantar-me todos os dias às 5h da manhã porque, isto de trabalhar por conta própria, nunca será, como estar encostado à sombra da bananeira, com tudo adquirido e garantido, no entanto, basta ter qualquer coisa para nos virem sugar até ao tutano.

Agora, nem pensar em fazer mais sacrifícios, arriscar não pagar empréstimos e ainda servir para alimentar preguiçosos?
Empregos? Em vez de tantas exigências, eles que os criem, peçam empréstimos e construam empresas e aprendam o que é chegar ao fim do mês, o dinheiro ser curto e não poder falhar no pagamento dos impostos.

Passei a fazer o mínimo porque, o incentivo para os que se esforçam é zero e o prémio, é pagar mais impostos. Como não tenho desejos de riquezas e o consumismo, nada me diz, preciso apenas do essencial mas, mesmo assim, continuam sem me dar nada e ainda arranjam maneira de sacar dinheiro.
Só há uma coisa de que me arrependo, ter feito o esforço de ter casa própria, paguei tudo, aos sanguessugas do Banco mas, dos sanguessugas não nos livramos, IMI, taxas e mais Taxas, o Costa, na Câmara até conseguiu dobrar o valor de uma...
Cheguei a ter pessoas de família que, em vez de um andar até lhe deram uma vivenda com uma renda irrisória mas, era filiada num Partido de esquerda, curiosamente, não muito longe do meu andar que precisei suar para o pagar.
Este País tem sido, o dos filhos e dos enteados mas, prefiro ser enteado do que um filho... da mãe
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.03.2016 às 17:20

E falar com passarinhos. Ao bom estilo Chavez-Maduro, alguém terá que falar com passarinhos.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 03.03.2016 às 17:59

Ele que faça isso na TV dos Ayatollas Iranianos onde tem um programa.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D