Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Provocações (4)

por Rui Herbon, em 25.09.17

21687573_1528060907232232_8772147757882775302_n.jp

 

De uma entrevista da Adília Lopes, que pode ser lida na íntegra aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 25.09.2017 às 20:12

Portanto a Adília pediu ao mundo que parasse para dele baixar....recordando Galeano.....sim, para os mais sensíveis a humanidade é abjecta. Abjecta no sentido do que é quando comparado com o que poderia ser.
Sem imagem de perfil

De A mania de existir a 26.09.2017 às 03:45

Haverá sempre um número reduzido de pessoas assim.Na Ficção,na Poesia.Normalmente a normalidade não gosta delas.Mas existem,não há nada a fazer,mesmo com ditaduras.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.09.2017 às 10:57

Dizia o pensador romano: "Nada do que é humano me é estranho."
Estamos, de facto, muito distantes do mundo antigo.
Imagem de perfil

De Rui Herbon a 26.09.2017 às 11:08

Eu sempre tive fascínio por ovnis :)
Sem imagem de perfil

De sampy a 26.09.2017 às 13:44

De poeta e louco todos temos um pouco.
E está visto que ela tem um pouco mais...
Sem imagem de perfil

De Pago impostos,vou votar a 26.09.2017 às 16:37

Leio,irregularmente,a Adília haverá trinta anos. Gosto de a ler,também os do cânone,tributados ou não.Estou-me.
Sem imagem de perfil

De V. a 27.09.2017 às 16:00

Gosto bastante da AL. É uma pergunta um bocado tola respondida de forma desprendida. Toda a gente pensará mais ou menos a mesma coisa e não é nada relevante. Todos sabemos que os meios criam exigências e que a resposta de Adília até é bastante lógica — basta ler Jorge de Sena ou Vergílio Ferreira sobre o mesmo assunto.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D