Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Postais de Lisboa (7)

por Pedro Correia, em 27.06.17

«É proibido levar os cães para as praias concessionadas. E no entanto é vê-los a andar pelo areal, fazendo o que os animais fazem quando têm vontade, sem que a polícia faça cumprir a lei. Acontece o mesmo nas ruas de Lisboa, porcaria por toda a parte, um nojo inacreditável, passeios de sujidade medieval.»

André Macedo, no Jornal de Negócios (26 de Junho)

Autoria e outros dados (tags, etc)


12 comentários

Sem imagem de perfil

De Einstürzende Neubauten a 27.06.2017 às 13:58

No outro dia, enquanto passeava o meu canito vejo um gajo embriagado urinando contra um poste. Perante o meu ar reprovador, o tipo vira-se e diz-me:

-Se o seu cão faz, eu não o posso fazer? Era o que faltava....ago e alhos

Uns falam parecendo que ladram, outros ladram e parecendo que falam

Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 27.06.2017 às 14:39

Acontece o mesmo nas ruas de Lisboa, porcaria por toda a parte, um nojo inacreditável, passeios de sujidade medieval.

Eu não sei se o autor deste texto anda muito pelas ruas de Lisboa. Eu ando. E o que observo é que elas estão hoje muito menos sujas do que, digamos, há dez anos. E ainda muito menos do que há vinte anos. Não penso que isso se deva tanto à atuação das autoridades públicas como, principalmente, à atuação dos donos dos cães, que hoje em dia geralmente apanham a caca dos seus animais.

Hoje em dia a sujidade mais frequente nas ruas de Lisboa não é a caca de cães, é sobretudo garrafas de cerveja abandonadas.
Sem imagem de perfil

De V. a 27.06.2017 às 17:48

à a[c]tuação dos donos dos cães, que hoje em dia geralmente apanham a caca dos seus animais.

E tendo em conta que a maioria são funcionários públicos, eu até arriscaria dizer que essa foi a única coisa que fizeram durante todo o dia.
Sem imagem de perfil

De Miguel Oliveira a 27.06.2017 às 19:12

Saiu do sofá!
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 27.06.2017 às 14:41

É proibido levar os cães para as praias concessionadas.

Para as praias não concessionadas também é proibido.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.06.2017 às 17:41

E para as portas das pastelarias e outras onde tenho deparado não com cães mas com cãezarrões (é assim que se escreve? Tenho tanto medo que nem sei como se escreve)?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.06.2017 às 17:43

Nota: não me identifiquei (nem me identifico) porque tenho medo dos donos dos cãezarrões. Se eles me topam a fazer queixa, agridem-me.
Sem imagem de perfil

De jo a 27.06.2017 às 18:12

Só acontece nas ruas de Lisboa?
Ou só Lisboa tem importância suficiente para ser citada?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.06.2017 às 21:19

Se tem conhecimento de outras cidades também com "porcaria por toda a parte, um nojo inacreditável, passeios de sujidade medieval", é favor partilhar essa informação. Dar-lhe-emos destaque aqui.
Sem imagem de perfil

De Fernando Antolin a 27.06.2017 às 21:46

Olá Pedro, boa noite.
Subscrevo inteiramente o que aqui deixou relatado e convido-o a visitar Almada, a tal que está no lado certo, segundo o slogan, e que tresanda a porcaria. Uma tristeza. Mas esta banda, para os media, não existe.

Um abraço
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.06.2017 às 22:08

Algés, por exemplo.
Sem imagem de perfil

De Mário a 28.06.2017 às 21:37

Aqui em Santarém é o mesmo tormento. Por vezes somos obrigados a ser salta-pocinhas para que os nossos pés não fiquem atolados na caca dos cães dos ignóbeis vizinhos.
Nos dias da canícula suportámos um fedor a urina que devolvo ao Srs. do PAN, sugerindo-lhe acções de formação que versem a higiene e o civismo aos detentores de cães em apartamentos e espaços envolventes.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D