Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Portugal a arder (actualização)

por Pedro Correia, em 16.10.17

 

Balanço oficial: 36 mortos em quatro distritos (Viseu, Coimbra, Guarda, Castelo Branco), 63 feridos, 15 dos quais em estado grave, e sete desaparecidos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


34 comentários

Sem imagem de perfil

De jerry khan a 16.10.2017 às 11:20

para antónio das mortes
é um alívio para a segurança social

a culpa é da casa da coelha
e do PPC
Perfil Facebook

De Rão Arques a 16.10.2017 às 11:54

"O país tem de estar consciente que a situação que estamos a viver vai seguramente prolongar-se para os próximos anos"
O buda costa que dá em costa bruxo, sem se espatifar aos pedaços com uma bacorada tão sinistra como o próprio descaramento.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 16.10.2017 às 12:38

"Meus senhores, como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o holocausto a que chegámos. Ora, está mais do que na altura de acabar com o holocausto a que chegámos! "...
... Alguém ????
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2017 às 12:46

Sim, alguém. O Passos Coelho será difícil mas Santana Lopes ou mesmo Rui Rio, talvez apagassem os fogos. Vale a pena tentar.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 19:54

Aposto no Rio. Em Sant'anas nunca acreditei
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 16.10.2017 às 22:29

Acredito que não esteja a referir-se ao Rio Seco, certo ?
Sem imagem de perfil

De am a 16.10.2017 às 12:53

.. Os portugueses têm o governo que merecem:

Um relatório arrasador sobre Pedrogão... agora, mais mortes e desgraças, Tancos...
O "milagre" perante estas tragédias é a subida do PS /Costa nas várias sondagens !... Porquê? Porque o PCP e o BE venderam a alma ao diabo!
Imagine-se que diriam se estas tragédias fossem do tempo do PAF!

Sócrates acusado de "mil patifarias" ... estes já são patifes, está na hora de serem corridos.
Sem imagem de perfil

De Paulo a 16.10.2017 às 13:22

No sábado passado já escrevi isto: "O mais mal é de quem vai porque quem cá fica se não come depenica".
Esta atitude impassível por parte dos responsáveis do governo deixa-me muito triste mas ao mesmo tempo alerta-me para o facto que se tratam de pessoas que não são serias e são irresponsáveis. Por isso está confirmado o que penso dos políticos.
Vamos ver um Pedrógão 2 durante esta semana. Aliás, as declarações do Presidente da República vão nesse sentido. Tudo vai continuar na mesma e em dezembro vai surjir outro relatório.
Vamos ver solidariedade e lamentações por parte do Primeiro Ministro, Ministra do MAI e outros, mas aguardam serenamente (os políticos usam muito esta expressão) que tudo passe e que chova. E se as previsões de chuva não se confirmarem o presidente do Instituto de Meteorologia que se prepare para apresentar a demissão.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 13:42

É preciso uma cara de pau do camandro para a ministra /secretário de estado não se demitirem. E uma falta de respeito, para com os portugueses, o PM não os demitir, em alternativa.

Desde Pedrógão que o digo. Até podemos crescer 10% para o ano, ou prometerem a cada português uma ucraniana , mas este governo não tem legitimidade politica quando falha reiteradamente nas funções basilares do Estado.

Já não suporto o ar de impertubabilidade do Buda de Malaca.

Sem imagem de perfil

De V. a 16.10.2017 às 16:32

Nem que lhe atirasses uma chamuça incandescente o demoverias da sua imperturbabilidade, porque o tipo é um tipo nirvanoso.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 17:39

É um hipócrita como o Sidharta. Pregava o controlo dos desejos e morreu empanturrado com carne de porco....

É o que dá permitirmos tipos de sangue degenerado chegarem a Primeiro Ministro.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Policarpo a 16.10.2017 às 13:56

Depois de 1 de Outubro, o sistema de combate aos incendios passou de 48 para 18 meios aéreos, passou a ter menos 800 viaturas e menos 4000, QUATRO MIL, pessoas. É evidente que foi o governo que, e apesar dos avisos dos Bombeiros e da Meteorologia, mandou desactivar meios tão importantes.
Então e acham que não têm responsabilidades? onde é que pára o presidente da República, sempre pronto para gabar as "proezas" do governo, e por isso perdeu o espaço para o criticar e exigir medidas, entre as quais a demissão de todo o MAI e as incompetentìssimas cúpulas da Protecção Civil que a ministra nomeou em Janeiro passado.
Sem imagem de perfil

De singularis alentejanus a 16.10.2017 às 14:23

Sendo as chamas o que faz vibrar e deleitar qualquer pirómano, porque não, em consciência democrática e de sentido de responsabilidade, as televisões passarem a noticiar os incêndios sem qualquer imagem dos mesmos?
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 15:47

Eu até pensava que era proibido mostrarem imagens do fogo. Mas a ERC lá sabe
Sem imagem de perfil

De JPT a 16.10.2017 às 15:45

Entretanto, no largo dos Restauradores, onde calho trabalhar, ergueram uma pirâmide de sal (com um cartaz que diz "parece pouco mas é uma montanha") e instalaram um palanque por trás, que, esta manhã, abarrotava com a nossa elite dirigente, a alertar que "o sal mata" (ou, dirão os "bota-abaixistas", a vender um aumento brutal de impostos indirectos). Aparentemente, de tão preocupada que estava com o sal, a nossa elite dirigente não reparou que o fogo matou mesmo. Ou até reparou, mas prefere rissóis (mesmo insonsos) a ter vergonha na cara. Em qualquer dos casos, acredito que mais vale um montanha de sal, do que a cordilheira de estrume que estava atrás dela.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2017 às 16:09

Sou um leitor assíduo de blogues e dos comentários. Entre os comentadores encontro tantos que têm a solução para o problema dos incêndios; dos incêndios e não só, têm solução para as questões económicas, da justiça etc. O nosso azar é que nenhum desses comentadores tem vocação para político e assim não ocupa posições em que poderia resolver os problemas. Temos de convencer os comentadores a irem para a política. Esta é a solução!! Não há outra.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 17:15

Existe uma diferença entre o saber como algo deve ser feito e o saber como algo não deve ser feito. Sabendo o último não implica que se saiba o primeiro.
E a estratégia adoptada pela Autoridade da Protecção Civil é um exemplo de algo profundamente errado.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2017 às 18:49

Então é isso Snr Vlad. Temos muitos cidadãos que sabem como não se deve fazer e poucos ou nenhuns que saibam como deve ser feito. Se for assim a nossa situação é de facto dramática.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 19:59

Meu caro Anónimo, se for ao médico com uma dor no pé direito e a primeira coisa que o médico decide fazer-lhe é um toque rectal o anónimo estranha, ou entranha? Percebe a subtileza?

A minha área não é apagar fogos.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Policarpo a 16.10.2017 às 17:39

Mandar os malandros dos comentadores para um Gulag também não seria má ideia, pois não? ou então arranjar um governo que saiba MESMO resolver os problemas, e não crie problemas em cima dos problemas que já existem, como este governo fez com os incendios. Como está à vista, não aprenderam nada com a tragédia de Pedrógão e agora têm esta entremãos, que provavelmente será maior do que a outra.
Sem imagem de perfil

De singularis alentejanus a 16.10.2017 às 17:44

Duvido que hajam "bloguistas" com aspirações a serem ladrões.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2017 às 18:52

Senhor singularis:
Duas sugestões. 1. Estude o verbo haver. 2. Haverá (o Snr diria haverão) poucos bolguistas com aspirações a serem ladrões mas, pelo que leio, há muitos com dor de cotovelo. E que gostariam de ser alguém.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 16.10.2017 às 20:02

"E que gostariam de ser alguém."

Isto vindo de um (dum-dum) anónimo é de partir o coco a rir...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2017 às 22:52

Então parta pois não lhe fará falta.
Sem imagem de perfil

De singularis alentejanus a 16.10.2017 às 20:41

Caro anónimo, se não reparou, antes de ser português, sou alentejano, mas dá para entender que apesar dos meus erros ortográficos o sr. entendeu a minha mensagem, e pelo nível de ofendido que demonstrou dá-me a entender que o sr. está ligado à politica, melhor dizendo é um político que está a defender o seu tacho, e pelos vistos irá utilizar todos os meios ao seu alcance para "ser alguém".
Fique sabendo quer não tenho qualquer dor de cotovelo, e apesar de tudo, muito menos de gente que tem enriquecido à custa do meu trabalho.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2017 às 22:51

"antes de ser português, sou alentejano," Bem, eu sou dos que acreditam que nem todos os alentejanos são estúpidos. E que há uns que sabem ler e escrever.
Sem imagem de perfil

De singularis alentejanus a 17.10.2017 às 08:48

É isso mesmo. Sou analfabeto, mas antes analfabeto que ladrão ou parasita, que presumo ser aquilo que o sr. ou é, ou pretende ser, quando defende tão afincadamente a classe política deste país, num momento inqualificável como o que atravessamos, e que grande parte da sua razão de ser se deve precisamente a essa classe.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.10.2017 às 18:31

Não sou ladrão nem parasita, sou simplesmente democrata.
Sem imagem de perfil

De am a 16.10.2017 às 18:47

E já agora:

De preferencia políticos Anónimos ... assim, o DIAP não sabe quem são!

Comentar post


Pág. 1/2





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D