Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Penso rápido (24)

por Pedro Correia, em 14.07.14

Paradoxos do progresso: hoje em dia, um miúdo de seis anos já domina os rudimentos de um computador mas é incapaz de algumas das mais simples operações manuais - atar os cordões de um sapato, por exemplo. Muitas crianças estão totalmente à vontade perante um teclado digital, mas revelam dificuldades crescentes na escrita manual: a caligrafia vai-se deteriorando à medida que a máquina impera. Um adolescente japonês gaba-se de só ter amigos virtuais e de namorar há dois anos com uma jovem que apenas conhece via computador. E já chegou ao ponto de confessar que nem pretende conhecê-la pessoalmente para não estragar uma relação que considera "perfeita".

Ganhamos certamente muito com este predomínio da técnica sobre o homem. Mas devemos deixar que seja ela a servir-nos em vez de nos deixarmos escravizar e desumanizar por ela.

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 14.07.2014 às 16:58

Absolutamente. É raro encontrar uma criança ( até mesmo um universitário) com uma caligrafia razoável e que saiba a tabuada. É tão normal usar-se uma calculadora, que a saber a tabuada é coisa retrógrada, só para velhos. Tenho duas filhas formadas. Garanto que nenhuma delas responde de imediato, à pergunta " 8 x 7 = ?" ... É o progresso.
Não deve vir longe o dia em que até as gravidezes serão perfeitas e virtuais.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.07.2014 às 18:40

"Não deve vir longe o dia em que até as gravidezes serão perfeitas e virtuais.". Deus a ouça.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 15.07.2014 às 01:32

Espere para quando inserir um cartão de memória atrás da orelha, os seus olhos tiverem um chip que ajude a ver à noite - não será permitido guiar de noite sem ele - e ao chegar a sente ao computador no site da clínica que vai fabricar o seu filho com as suas especificações preferidas, tirando os genes que poderão dar problemas, escolhendo a cor dos olhos...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 15.07.2014 às 17:39

Hesito em classificar esse cenário. Filme de ficção científica ou filme de terror?
Imagem de perfil

De cristof a 15.07.2014 às 09:09

aqui devemos olhar para metodos de formação de jovens(escuteiros) e para sociedades mais desenvolvidas que incorporam nos habitos de aprendizagem informalou formal aspectospraticos dodia a dia como encontrar moradas numa cidade, descobrir arvores, animais... na natureza, fazer caminhadas regulares todos os meses ou semanas : não custa aprender com alemaes ou suecos que já o fazem há anos e raciocinar se de tão "modernos" que queremos ser não estamos a saloiar demais. Claro que omainstream vai levar-nos para o que lhes interessa : consumir claro e as arvores e o saber informal não rende -para elesclaro.
Mas existem outros ver e querer -ex: um passeio de fim de semanana Finlandia pela floresta chega a reuinir 10 mil pessoas - nos país que tem mais computadores ou internet que nós.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 15.07.2014 às 17:40

São bons exemplos. Infelizmente, pouco seguidos entre nós.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D