Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pensamento da semana

por Pedro Correia, em 15.12.17

 

Os extremos socam-se.

 

Este pensamento acompanhou o DELITO durante toda a semana

Autoria e outros dados (tags, etc)


24 comentários

Sem imagem de perfil

De lucklucky a 10.12.2017 às 14:16

Há quem se soque a si próprio....

Veja-se os fantásticos exemplos de Fake News do jornalismo "de referência" esta semana que passou:

https://theintercept.com/2017/12/09/the-u-s-media-yesterday-suffered-its-most-humiliating-debacle-in-ages-now-refuses-all-transparency-over-what-happened/

Note-se 3 Estações de TV "de referência" : CNN, CBS, MSNBC confirmaram "independentemente" uma notícia falsa.

Já na semana anterior a ABC tinha suspendido um jornalista "de referência" Brian Ross por mais uma notícia falsa - mas é só 4 semanas ,ou seja podemos esperar mais fake news..



Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 10.12.2017 às 17:35

Maldita comunicação social marxista-socialista

http://www.breitbart.com/
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 10.12.2017 às 17:40

Já agora, para prova, da prova da verdade, pois a verdade só é verdadeira se apanhada em rede, cito:

Breitbart News Network (known commonly as Breitbart News, Breitbart or Breitbart.com) is a far-right[6] American news, opinion and commentary[7][8] website founded in 2007 by conservative commentator Andrew Breitbart. The site has published a number of falsehoods and conspiracy theories

https://en.wikipedia.org/wiki/Breitbart_News

Maldita comunicação social marxista-socialista. Esse Steve Bannon, um comunista, agente duplo, ao serviço do Governo Mundial judeu...marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.marxista socialista.











Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.12.2017 às 16:14

Os extremos repetem-se (mutuamente).
Será?!
João de Brito
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 10.12.2017 às 17:12

portanto, não se tarocam.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 12.12.2017 às 10:03

Às vezes a voz extremista "tá rouca". De tanto gritar.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 12.12.2017 às 12:36

Perfil Facebook

De Rão Arques a 10.12.2017 às 17:14

E entram de socos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 12.12.2017 às 10:04

Atamancados.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.12.2017 às 21:51

Tocam-se socando-se.Pacto Hitler Estaline.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 10.12.2017 às 22:23

A Alemanha hitlerista vinha desrespeitando o Tratado de Versalhes e se rearmando. O primeiro acto aberto de provocação foi a ocupação militar da Renânia, que pelo tratado deveria se manter desmilitarizada. A URSS exigiu medidas drásticas dos membros da Liga das Nações. Mas, as potências ocidentais contentaram-se com simples protestos diplomáticos. Nem mesmo uma ameaça de sanção foi aprovada contra o governo de Hitler. Isso soou quase como uma autorização para que continuasse a militarização e expansão do Estado alemão.

O governo soviético, diante da ameaça de ocupação da Polónia e Roménia, propôs uma conferência entre os representantes da Inglaterra, França, URSS, Roménia, Turquia e Polónia para debater e estabelecer mecanismos de resistência ao avanço nazista. Contudo, Chamberlain apressou-se em dizer que se opunha a formação de blocos militares de países contra outros blocos militares. Portanto, nada de frente-única contra Alemanha e Itália. A Polónia, governada por reacionários, por sua vez, recusava-se a assinar qualquer acordo com a URSS. Nem mesmo uma declaração conjunta desses países conseguiu ser aprovada. Hitler pressentiu a fraqueza e vacilações de seus adversários

Em 10 de março de 1939 Estaline pronunciou um duro discurso no plenário do 18º Congresso do PCUS: “Os aliados ocidentais empurram os alemães para o leste, fazendo-lhes ver que os bolcheviques são presas fáceis (...). Não deixaremos o nosso país ser arrastado nesse gênero de conflito por incendiários cujo hábito consiste em fazer com que outros tirem da brasa as castanhas que eles próprios irão comer (...). A política não-intervencionista significa a convivência e o encorajamento à agressão (...). As potências democráticas abandonaram a Áustria, apesar da obrigação de defender-lhe a independência. Deixaram ao desamparo os sudetas e atiraram a Checoslováquia à feras (...) e continuam a incentivar os alemães a prosseguir em seus avanços cada vez mais para o Leste, como se quisessem dizer: ‘comecem vocês uma guerra contra os bolcheviques e tudo estará bem”.

E milagre, O Pacto Molotov–Ribbentrop surgiu!!
Imagem de perfil

De José Manuel Faria a 13.12.2017 às 12:11

A ideologia política não é circular mas rectilínea. Chocam-se por vezes nas ruas.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 13.12.2017 às 13:33

Umas vezes chocam-se, outras ignoram-se. Mas numa leitura de malha fina é muito mais útil analisá-las em gavetas separadas. Sob pena de não entendermos nada de essencial.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2017 às 23:09

Half wrong.
Às vezes, beijam-se.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 13.12.2017 às 23:52

Às vezes até copulam. Amor-ódio. Mas socam-se à mesma.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.12.2017 às 00:01

Falácia da moderação.

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D