Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mundial no sofá (7)

por João André, em 26.06.14

Este tem sido um mundial atípico para mim. Pelo que parece, será o mais interessante em termos de futebol jogado desde o EUA/94 ou mesmo Espanha/82. Por outro lado, não tendo televisão em casa, estando há já umas semanas sem internet (é conspiração dos alemães, eu bem digo) e sendo os jogos tão tarde (o que complica ir para um bar ver os jogos quando se tem que trabalhar no dia seguinte), a quantidade de jogos que tenho visto é relativamente reduzida. Por isso mesmo, as minhas observações têm que estar limitadas ao que vi e ao que vou conseguindo perceber. Vamos a elas.

 

Portugal: entre uma vitória portuguesa e uma derrota americana, a soma tem que dar 5 golos de diferença. Para o Gana a coisa tem que ser completamente ao contrário. O seleccionador americano é alemão e foi o chefe do seleccionador alemão que é um dos seus melhores amigos. Quando o alemão seleccionador americano era o seleccionador alemão, muitos dos actuais jogadores alemães tiveram a sua estreia. O empate serve aoe alemães e americanos (que, para complicar as coisas, têm uns três ou quatro jogadores nascidos na Alemanha). Não fora o Klose andar atrás do recorde de golos do Ronaldo fenómeno gordo fenomenal, a coisa acabaria num churrasco em pleno campo. Assim imagino o Klose a marcar um golo ao fim de 1 minuto de jogo, os americanos a marcarem um 1 minuto mais tarde e o resto da tarde a ser passada em clima de Biergarten.

 

Grécia: tem que se gostar destes tipos. Continuo sem conseguir chatear-me com eles por nos terem levado o título do Euro 2004. Sei que vão ser postos a andar pela Costa Rica (olha outros adoráveis patifes), mas adorava vê-los a vencer o mundial. A festa seria de arromba. E a seguir provavelmente saíam do Euro...

 

França: a única selecção que, para mim, demonstrou ser sólida. Deschamps era um médio fabuloso e a peça fundamental da França de 98 e 2000. Como treinador continua a ser excelente. O meio campo atropela jogadores sem dar por ela e o ataque tem um poder de fogo impressionante. Se não implodirem são para já a melhor equipa no torneio.

 

Robben: a Holanda não me tem impressionado assim tanto quanto isso. A defesa é suspeita, o meio campo anda a repetir as tácticas de 2010 a 75% (sem van Bommel não chegam aos 100) e Sneijder (nota para os comentadores portugueses: lê-se "Snèidér" e não "Chnáider") anda a pouco mais que passear. Mas têm van Persie (golos do nada) e Robben (melhor jogador até agora) em forma. Num mundial atacante isso pode chegar.

 

Brasil: Chile! Chile! Chile! (quero o Sampaoli no Benfica).

 

Suárez: não o suspendam. Sem Zlatan, o mundial precisa de um vilão de pantomina e adoro ver os ingleses a gastarem rios de tinta com ele. O tipo é irritante e desportivismo é palavra desconhecida no vocabulário. Por outro lado ainda não lesionou ninguém e não é verdadeiramente maldoso. Se a FIFA punisse as faltas duras (Holanda, Honduras...) como quer punir Suárez, o futebol talvez fosse mais interessante. Coitadinho do Chiellini, tem um dói-dói, é?

 

Bélgica: repito, sem laterais ofensivos (são centrais convertidos) o estilo não funciona. Precisam de jogar com Mertens.

 

Pirlo e Xavi: fim de uma era.

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Imagem de perfil

De FD a 26.06.2014 às 13:35

Só um bocadinho de pub justificada porque está muito bom!
E dizem eles que não percebem nada de futebol, do português já estão aprovados, o futebol da matemática.

http://theresnosuchthingastoomuchcheese.blogs.sapo.pt/coisinhas-boas-e-talvez-o-meu-unico-16335
Imagem de perfil

De João André a 26.06.2014 às 14:35

Já vi várias vezes a referência, mas ainda não tive oportunidade de ver. Talvez no intervalo mais logo...
Sem imagem de perfil

De da Maia a 26.06.2014 às 13:53

Só um detalhe, imaginemos (LOL) 3-0 contra o Gana e os EUA a perder 3-1, dava 5 golos de diferença, mas aí somavam ambas 5 golos marcados e 6 sofridos... ia a moedinha ao ar. E se fosse 4-2 no jogo dos EUA, passavam os EUA.
O mesmo problema com 2-0 e os EUA a perderem 3-0.
Já o Gana tem a vantagem de nem precisar que os EUA apanhem goleada.

A maior motivação da Alemanha, para além de não querer registar um empate contra os EUA, seja lá quem for o treinador, é o medo da debilidade da equipa portuguesa.
Assim, manter empate com os EUA seria um risco, caso o Gana espetasse 3-0.
Mas, a Alemanha se mantiver 1-0, fica satisfeita, e pode controlar um resultado escasso, em ritmo de treino.

A Grécia tem o português mais lúcido do Mundial, a par com o árbitro Pedro Proença, e por isso será uma equipa pela qual é engraçado torcer, apesar do seu futebol nunca ter sido bom.

Pelo que vi jogar, e também não vi a maioria dos jogos, o jogador que se destaca muito é Neymar. Se há epíteto para "melhor do mundo", parece estar a ser conquistado jogo a jogo, por ele.

Só vi parte do jogo de ontem da França, e continua a ser um futebol tipo Grécia, mas com 5 vezes mais recursos... mas nunca gostei do futebol francês. Cheguei a apreciar, sim, o seu rugby... mas assim que a RTP2 deixou de poder transmitir jogos, tal como a Formula 1, foram coisas que deixei de ver, porque nunca pensei sequer subscrever a chulice completa da SportTV: "Vão roubar para a estrada!"

Quanto a Suarez... uma vez joguei num torneio contra uma equipa africana, e um avançado, ao intervalo, fez favor de me informar que se o continuasse a marcar daquela forma, faria questão de me partir uma costela com uma cotovelada. Assim, quando apanhei o primeiro murro e o árbitro fez que não viu, decidi aliviar a pressão... Como estava numa equipa que tinha suiços, que levavam a legalidade mais a sério, descobriu-se que uma boa parte dos jogadores estavam irregulares, e ganhámos esse jogo na secretaria.
Isto só para dizer que não aprecio quem usa recursos desleais, e se querem praticar outras modalidades, podem sempre ir para o kick-boxing...



Imagem de perfil

De João André a 26.06.2014 às 14:42

Tem razão da Maia. Eu não refiz as contas e escrevi de memória. Sabia que a situação era mesmo essa, mas estava a fazer as contas com: 4 golos - risco; 5 golos - segurança. Devia ter adicionado 1 golo a cada.

O 1-0 seria mais seguro para os alemães, mas isso não impede que o jogo prometa ser algo aborrecido. Espero bem estar errado, mesmo que não dêm em nada para Portugal. Para dizer a verdade, espero que a Alemanha ganhe por 1-0. Assim Portugal teria que ganhar por 4-0 e fazer por merecer o apuramento.

A equipa francesa de futebol faz-me lembrar precisamente a de rugby. Também por isso gosto deles. E Matuidi não estaria muito mal no rugby.

Eu não gosto de batoteiros, mas não vejo Suarez como um verdadeiro batoteiro. Tem algo problema mental, isso é certo, mas isso é-me indiferente. O jogo de futebol profissional tem árbitros que lá andam para impedir batotas (sejam elas faltas ou mergulhos) e não se fia na honra dos jogadores. Por isso mesmo, se um jogador cometer uma infracção e não for apanhado, nada tenho contra (a não ser que seja perigoso para um colega de profissão). Não é mais que aquilo que vemos em cantos e livres indirectos, com os jogadores a puxarem-se uns aos outros.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D