Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Groucho: o marxismo resiste

por Pedro Correia, em 19.08.17

fc,550x550,red[1].jpg

 

Groucho Marx morreu faz hoje 40 anos. Ninguém diria: o grande actor norte-americano (1890-1977) parece mais vivo que nunca. Não apenas nos seus filmes, alguns deles geniais (Os Grandes Aldrabões, Uma Noite na Ópera, Um Dia nas Corridas), mas na própria linguagem do dia-a-dia, impregnada de citações dele. Tão ou mais frequentes do que as do outro Marx, o Karl.

Todos teremos as nossas frases favoritas de Groucho. Deixo aqui as minhas dez, com a minha vénia à memória deste inconfundível protagonista da comédia cinematográfica que tantas gargalhadas me arrancou - e arranca ainda, pois revejo sempre os seus filmes como se fosse a primeira vez.

 

«Estes são os meus princípios. Se não gostarem deles, tenho outros.»

«Não quero pertencer a nenhum clube que me aceite como sócio.»

«O que quer que seja, estou contra.»

«A política é a arte de procurar problemas, encontrá-los em toda a parte, diagnosticá-los de forma incorrecta e aplicar-lhes a terapia errada.»

«Ele pode parecer um idiota e falar como um idiota, mas não te iludas: ele é mesmo um idiota.»

«Só um homem em mil lidera outros homens. Os restantes 999 vão atrás de mulheres.»

«O problema de não se fazer nada é que nunca sabemos quando se acaba.»

«A televisão é muito educativa: sempre que alguém a liga, saio da sala e vou ler um livro.»

«Nunca me esqueço de uma cara, mas no seu caso abrirei uma excepção com todo o gosto.»

«Se não te estás a divertir é porque estás a fazer alguma coisa errada.»

 

groucho_marx_in_duck_soup[1].jpg

 Groucho Marx (1890-1977)

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 19.08.2017 às 09:34

Aproveito para relembrar o nosso eterno Candidato Vieira, que tanta falta nos faz:

"Só me demito se for eleito!"

"Escrevo as minhas Memórias, mas não me lembro de nada"
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 20.08.2017 às 01:16

Vieira qualquer dia ingressa no Delito de Opinião. A menos que não queira fazer parte de um blogue que o aceite como autor.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 19.08.2017 às 13:50

O meu pai costumava usar uma variação deste grouchismo amiúde: "Antes que eu discurse, tenho algo importante para dizer."
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 20.08.2017 às 01:15

Também é muito boa, Dulce. E oportuna, sobretudo em período de campanha eleitoral.
Sem imagem de perfil

De campus a 19.08.2017 às 22:30

Enfim... um marxista sábio.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 20.08.2017 às 01:14

Da linha dura. A prova está à vista: ele dura, dura, dura...

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D