Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Frase nacional de 2014

por Pedro Correia, em 06.01.15

374770[1].jpg

«Sinto-me mais livre do que nunca.»

José Sócrates

(eleita por maioria, pelo DELITO DE OPINIÃO)

 

Também mereceram destaque estas frases:

«O BES não faliu. O BES foi forçado a desaparecer.»
Ricardo Salgado

«A vida das pessoas não está melhor mas a do País está muito melhor.»

Luís Montenegro

«Salário de 4.800 euros não permite padrões de vida muito elevados em Lisboa.»

António Marinho Pinto

«Não sou Eça de Queirós.»

Jorge Jesus

.................................................................. 

 

Frase nacional de 2010: «O povo tem de sofrer as crises como o governo as sofre.»

Frase nacional de 2011: «Estou-me marimbando para os nossos credores.»

Frase nacional de 2013: «Com a apresentação do pedido de demissão, que é irrevogável, obedeço à minha consciência e mais não posso fazer.» 

Autoria e outros dados (tags, etc)


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Carlos Azevedo a 06.01.2015 às 15:29

O que lhes vale é que o ridículo não mata.
Bom 2015, Pedro.
Abraço.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2015 às 00:26

Obrigado, Carlos. Bom ano também.
Sem imagem de perfil

De Caramelo a 06.01.2015 às 17:19

Então leve-me ao estádio Nuevo Vivero!
Sem imagem de perfil

De Alexandre Carvalho da Silveira a 06.01.2015 às 18:32

Se Sócrates se sente mais livre do que nunca é deixá-lo estar. O PIB da Cidade-Museu está a crescer como nunca, desde que tão ilustre hóspede nos deu a honra da sua presença.
O azul do céu alentejano é um dos mais belos do mundo e a luminusidade do ar é única e especial; agora ficamos também a saber que este ar, por enquanto pouco poluído, faz as pessoas mesmos estando na prisão, sentirem-se mais livres do que nunca.
Terra mágica, esta.
Sem imagem de perfil

De Rui a 06.01.2015 às 20:44

Ricardo Salgado, devia no mínimo ter um pouquinho de vergonha, mas ele não sabe que é isso. As pessoas para Luís Montenegro, não são o país, que será o país para ele? Não deve viver em Portugal e se vive, vive a vida em sonho, como a Alice no país das maravilhas. Marinho Pinto teve uma saída totalmente infeliz, quase que aposto se fosse hoje jamais a teria dito, mas disse e fez mossa.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2015 às 00:28

Valha-nos Jesus.
Sem imagem de perfil

De Rui a 06.01.2015 às 20:49

Qualquer preso, se sente mais livre e como tal, Sócrates não é excepção. Quando o orgulho é ferido, dizem-se coisas completamente absurdas e que não devem ser levadas em conta. Como é lógico ninguém se sente livre preso.............
Sem imagem de perfil

De Manolo Heredia a 06.01.2015 às 23:22

Ele estava a referir-se ao Livre, partido político!
Sem imagem de perfil

De Fernando Torres a 08.01.2015 às 16:34

Preferia esta:

"«Não sou Eça de Queirós.»

Jorge Jesus

Bom ano!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.01.2015 às 00:20

Bom ano, Fernando. Um abraço.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D