Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




E se o Trump for eleito ainda conseguimos comprar uns mísseis

por Sérgio de Almeida Correia, em 15.06.16

sig_sauer_rmcx.jpg

Bem podem dizer que em França estas armas que matam nos Estados Unidos, e todas as outras que serviram para actos terroristas na Europa, não são vendidas livremente e que ainda assim eles aconteceram. Mas se do outro lado do Atlântico tiverem mais doentes à solta e prontos a descarregarem os cartuchos em escolas, restaurantes ou salões de baile, como o tal Omar Mateen e todos os que o antecederam, a continuação deste hediondo comércio só vai ajudar a mais matanças, quaisquer que sejam as verdadeiras motivações dos assassinos.

Depois, o da melena loura mais os seus apoiantes podem continuar a berrar contra os muçulmanos, os gays, os mestiços e todos os que não pensem como eles. No dia em que deixarem de berrar é porque não há mais inocentes. Já foram todos exterminados com a maior segurança.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Octávio dos Santos a 15.06.2016 às 13:14

Decididamente, há quem não consiga, ou não queira, ver e entender a mais elementar das verdades... Aliás, citar como referências positivas o Huffington Post e o New York Times é, logo à partida, um desqualificativo...

... E assim, mais uma vez, recordemos o óbvio: o que aconteceu em Orlando, à semelhança do que aconteceu, antes, em São Bernardino, Newtown ou Fort Hood, e, deste lado do Atlântico, em Bruxelas, Paris ou Oslo, não se deveu a um excesso de armas mas sim, pelo contrário, a uma carência delas! Se só o criminoso está armado, qual é a surpresa de os massacres ocorrerem?

Além disso, não é só com pistolas, espingardas e metralhadoras que se cometem atentados. Os palestinianos têm atacado judeus em Israel com facas... vamos banir as facas? Os irmãos Tsarnaev fizeram as suas bombas na maratona de Boston com panelas de pressão... vamos banir as panelas de pressão? Caramba, os terroristas do 11 de Setembro de 2001 atacaram o World Trade Center e o Pentágono com aviões... vamos banir os aviões?

O problema não está nos objectos mas sim nas pessoas que os utilizam; mais concretamente, em certas pessoas; mais concretamente ainda, em certas pessoas que professam uma certa religião. Há, pois, que tomá-las como alvos da retaliação, e não as armas que podem e devem servir igualmente para nos proteger.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D