Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Na semana passada foi a greve dos aeroportos alemães a anunciar o cancelamento de voos. Esta semana é a greve de 3 (três) dias dos pilotos  de uma organização chamada “Vereinigung Cockpit” (VC), ou seja, o sindicato respectivo. O resultado são só 3800 (três mil e oitocentos) voos cancelados. A razão da greve, que começa na quarta e terminará sexta-feira, de maneira a que o fim-de-semana seja de arromba, foi a falta de entendimento sobre uma questão tão "corriqueira", imagine-se, como aumentos salariais. E como se isso não bastasse para indispor os passageiros que optaram por viajar nessa companhia aérea, o número de chamadas telefónicas deu-lhes cabo do sistema. Como há dias se soube que os lucros ficaram aquém das expectativas, não havendo perspectiva de a curto prazo serem despedidos alguns dos seus 118.000 trabalhadores - uma ninharia - , dir-se-ia tratar-se de uma companhia aérea da Europa do sul.

Aos que em Portugal pugnam por mais alterações à lei da greve, e que em pleno século XXI ainda se queixam do defunto Conselho da Revolução, ficaria bem que agora dissessem uma palavra sobre o assunto. Quanto mais não fosse, por exemplo, para defenderem uma aproximação da lei da greve nacional, sei lá, à lei colombiana. Todos os que ficaram, e ficarão, em terra compreenderiam a oportunidade da intervenção. E a necessidade de se aumentar esses tesos dos pilotos alemães.

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Sem imagem de perfil

De rmg a 01.04.2014 às 19:08


Para quem quiser a história toda , aqui fica :

http://worldairlinenews.com/2014/03/29/lufthansas-pilots-to-strike-on-april-2-4-lufthansa-calls-on-the-vereinigung-cockpit-pilots-union-to-resume-talks/
Sem imagem de perfil

De Carlos Cunha a 01.04.2014 às 20:55

"selfie" de soares dos santos, em viagem aérea alternativa por causa da greve da lufta.
http://en.wikipedia.org/wiki/File:Up_(2009_film).jpg
Imagem de perfil

De cristof a 02.04.2014 às 09:31

para ser mais profundo na analise importa ter em conta que alguns pobres trabalhadores primam em mafiosamente usar as armas que as regras lhe dão para manter privilegios acima de todos .Ex: controladores aereos, pilotos de avião de companhias estatais, estivadores de portos europeus. Analizar apenas pela perpectiva norte/sul ou sindicalista/direitos ameaçados é planar apenas sobre o problema.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 02.04.2014 às 10:07

A greve dos pilotos é perfeitamente legítima, em defesa de aumentos salariais, ou seja, por motivos estritamente sindicais.
Ilegítimas são as greves feitas em Portugal, por motivos políticos (por exemplo, contra a privatização de uma determinada empresa) e muitas vezes inespecíficos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2014 às 13:15

A Lufthansa é uma empresa aérea de origem alemã ou seja a Alemanha também é um país terceiro mundista

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D