Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Alberto Luís

por Patrícia Reis, em 14.11.17

Morreu Alberto Luís, advogado, marido de Agustina Bessa-Luís. Casados desde 1945, eram um casal especial. A Agustina gosta de contar que colocou um anúncio no jornal para encontrar um marido, uma "pessoa culta". Tinha decidido que aquele que, ao abandonar a sala onde a entrevista se faria, olhasse para trás, seria o escolhido. Alberto Luís foi à entrevista com uns amigos, também candidatos (diz-se que teria sido uma aposta) e olhou para trás. Casaram. Durante anos e anos, Alberto Luís foi quem passou à máquina os textos de Agustina, ela que tem uma letra miúda e escreve a azul.

Na Egoísta fizemos um número especial dedicado

IMG_1115.JPG

 à Agustina do qual me orgulho muito. Alberto Luís foi incansável na ajuda que me prestou então. Publicámos os pequenos desenhos, retratos, que foi fazendo da escritora. Chamava-lhe sempre Maria Agustina. Eu gostei de os ver juntos das poucas vezes que tive esse privilégio. Que descanse em paz.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


8 comentários

Imagem de perfil

De João Pedro Pimenta a 15.11.2017 às 00:15

Vi hoje o artigo de Paulo Rangel, no Público, mas não percebi que era uma homenagem póstuma a Alberto Luís. Aparentemente tudo terá acontecido na maior descrição, a pedido da família, à qual Alberto Luís se dedicou totalmente, mesmo nestes últimos anos, que seguramente não foram fáceis, dados os problemas de Agustina. A casa na rua da Pena vai ficar ainda mais silenciosa.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 15.11.2017 às 10:35

"a maior descrição"

discrição. Escreve-se como se lê (em português não-lisboeta).
Imagem de perfil

De João Pedro Pimenta a 15.11.2017 às 17:17

Tem razão, grato pelo reparo. Era realmente discrição que devia ter escrito (e nem sequer sou lisboeta).
Sem imagem de perfil

De bst a 15.11.2017 às 17:48

O português - e qualquer outra língua não se escreve como se lê. Escrevemos ministro mas lemos "mnistro" ou "menistro" ou "mnino". É que, em português, como no latim, há sílabas curtas e sílabas longas.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 15.11.2017 às 18:32

Escrevemos ministro mas lemos "mnistro" ou "menistro"

Falso. Diz-se "menistro" em lisboeta, mas portugueses de outras partes do país dizem "ministro", que é a forma original da palavra.

Em lisboeta também se diz "desanho" ou "coâlho" ou "treuze" para as palavras que na generalidade do país são pronunciadas "desenho", "coelho" e "treze", respetivamente. Não é por os lisboetas pronunciarem dessa forma que a ortografia das palavras deve ser alterada.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 15.11.2017 às 14:26

Belo desenho.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 15.11.2017 às 17:23

Belo desenho de uma mulher bela, que é como eu nunca vi Agustina Bessa-Luís. Prova provada de que não há "belles toujours"...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.11.2017 às 17:48

Agustina foi e será bela para sempre.
A beleza está nos olhos (cérebro) de quem vê/sente (quem feio ama bonito lhe parece). Quem todos os dias procura a beleza no mundo que o rodeia vive feliz. Não devemos julgar pelas aparências, uma rapariga/rapaz bela(o) podem revelar-se uns grandes estafermos ;o). Nem tudo o que luz é ouro, a maior riqueza pode passar despercebida por não brilhar (ser versus parecer). Ouvi estas máximas centenas de vezes em criança. Tinha um parente que tinha sido pouco favorecido fisicamente e que em criança achava um pouco assustador, mas revelou-se o ser humano mais inteligente e divertido que conheci.
A feiura de uns pode ser a beleza de outros, como por exemplo a sombrancelha unida em países do norte da África que noutras culturas são recusadas por serem consideradas inestéticas. Enfim, o que significa belo?

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D