Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A União Europeia não se leva a sério

por Luís Naves, em 26.08.17

A União Europeia não consegue ser levada demasiado a sério pela razão simples de produzir uma anedota como esta, que pretende ser um ranking das cidades europeias no domínio da cultura e da criatividade. Lisboa dá um baile a Hamburgo, que tem uma nova casa de ópera, mas também damos banho a Barcelona e (pasme-se) a Viena e até a Roma. Claro que estas coisas são depois utilizadas pelos nossos alucinados e panglossianos como prova de que tudo corre maravilhosamente. Abrimos as notícias locais e Portugal é uma festa e somos uns pândegos; os nossos intelectuais, com ajuda preciosa dos peritos europeus, garantem que bastava elevar a autoestima dos portugueses até à região orbital do delírio e daí resultava o milagre da multiplicação dos pães. Estive três semanas sem internet, reduzido a uma rádio governamental de um país protofascista e só ouvi duas notícias sobre Portugal: uma de fogos calamitosos e outra sobre a queda de uma árvore em cima de uma multidão, acidente que se deu apesar de múltiplos avisos. De facto, não nos falta criatividade para o desastre e, em termos de cultura, parecemos consistentes, trata-se de insistir no mesmo erro de bater com a cabeça na parede até à insensibilidade; quando se bate muito, muito, muito, acaba por não doer. E, no intervalo, os óculos cor-de-rosa que nos oferece a Comissão ajudam a aliviar os sintomas.

Autoria e outros dados (tags, etc)


13 comentários

Sem imagem de perfil

De Zeus a 26.08.2017 às 21:51

1º - Têm que inventar serviço, não chegava só fazer instruções de como usar velas.
2º - Recompensar quem aumentar mais a grilheta da Dívida e, em tão pouco tempo, este governo passá-la de 124% do PIB para 138,64% e, sempre a crescer, estava a merecer um miminho.

O que me admira é ainda haver cidadão europeu que leve a U.E. a sério.

Os eurodeputados Não podem Propor nem Vetar Leis mas, tudo correrá bem se ninguém conseguir sair e, o British Army continuar a apoiar a diversidade e a inclusão:

https://www.youtube.com/watch?v=RlAkH3HIvkI&feature=em-uploademail
The British Army go full SJW and literally turn into a monty python sketch

Entre um chilique do Juncker por ver a sala vazia, sem eurodeputados, para a enfeitar, fugindo-lhe a boca para a verdade ou ele falar com extraterrestres, cada vez, a U.E. tem mais dificuldade em a levarmos a sério, a única coisa que servia para disfarçar a dependência dos países europeus de um Banco Privado, o BCE.

https://www.youtube.com/watch?v=G-wEmI5l5hw
Juncker: “The European Parliament is ridiculous. Very ridiculous”

https://www.youtube.com/watch?v=J44uxw7Ml1I
Juncker a-t-il rencontré des dirigeants extraterrestres d'autres planètes ?

Quem começar a perceber que quem realmente manda nos EUA apenas tem arranjado maneiras de mandar em todo o lado, incluindo a UE, começariam todos a perceber qualquer coisinha.

https://www.youtube.com/watch?v=XHbrOg092GA&feature=em-uploademail
New: CIA Agent Whistleblower Risks All To Expose The Shadow Government

Sem imagem de perfil

De glu glu a 26.08.2017 às 21:58

CR7(tm)!!!
o nosso tesouro "cultural" nacional. a sua existência atribui intrinsecamente valor a todas as outras coisas. como me dizia uma amigo esta semana, deliciado, estive a falar com uma "senhora muito importante", caso em que se deduz ter sido a ministra. em consequência, também ele sentia uma certa (indelicada mesmo) elação.

a contumácia da "comunicação social" conseguiu atravessar por osmose o ténue tecido crítico de uma significativa porção (vende-se como queijo fresco) dos nossos concidadãos.

todos os dias somos os "melhores do mundo" em alguma qualquer inanidade, nem que seja beber cerveja à colher, ou temos um investigador que é "dos melhores do mundo", integrado em equipas internacionais, ou um atleta que inventou uma nova modalidade desportiva na qual é o único e melhor do mundo.

é um país que prospera na projecção da felicidade que ainda parece emanar do conceito do "velho império".

há momentos, num daqueles pasquins que se fazem passar por telejornais, a questão (não chegou a ser promovido a mérito diário, estamos exigentes) era "o canoísta perdeu a medalha de ouro por milionésimos de segundo" e não a abordagem muito mais salutar "o canoísta venceu uma medalha de prata". em rigor, num mundo em chamas, com muito respeito pelo atleta, nem sequer é assunto de telejornal.

trata-se de outra conspiração da confraria do avental, da obra do senhor, do acampamento de bilderberg (deve escrever-se de outra maneira em mandarim - Zeus, por favor, não esqueça que quero impressionar aquela colega), da brigada de lata da inteligência artificial ou dos benevolentes seres extraterrenos que nos vêem com olhos piedosos (muito piedosos).
Sem imagem de perfil

De Alain Bick a 26.08.2017 às 22:56

durante 10 anos que passei na Áustria (com excepção do inverno)
ouvi duas notícias sobre o rectângulo:
arrastão do monhé em Carcavelos
licenciatuta do 44.

um gozo de mijar a rir
Sem imagem de perfil

De Vento a 26.08.2017 às 23:48

Extraordinário. A partir de agora sempre que pretender saber alguma coisa sobre a vida cultural deste país passarei a falar com Bruxelas, para que me possa sentir verdadeiramente parte deste onírico ambiente.
Não obstante, sinto que nós os portugueses não somos capazes de compreender a realidade política, cultural e intelectual da Lusa pátria, na medida em que hoje parece que somos representados por pessoas verdadeiramente avançadas civilizacionalmente. É óbvio que uma nação que possui 3 milhões de pobres não pode ter estaleca para estar a par destes avanços civilizacionais. Já Jesus, que muitos dizem não ter existido, sabia que para que o escutassem era necessário multiplicar os pães. Pois barriga vazia não dá espaço à mente.

As últimas semanas têm sido profícuas na revelação destes atributos dos nossos deuses. Vejamos em pormenor:
A comissão para a igualdade do género deixou claro que a discromatopsia passaria a reger a estrutura visual e intelectual dos portugueses. Estou convencido que este "decreto" deve estar ligado a algum trauma com a cor azul, claramente conotada com o céu, e com o rosa, claramente conotado com a pantera, a cor-de-rosa.
Parecendo não ser possível mais buscar o céu imaginando panteras, fiquei ansioso sobre o que teriam cozinhado de tão perfeito e extraordinário para nos oferecer. Esta ansiedade durou pouco tempo.
Eis que surge uma publicação em que a cabeça de notícia era pessoa ligada à área administrativa.
Como sou bastante imaginativo, acendeu-se-me a luz e exclamei: já sei, isto tudo tem que ver com o simplex! E lá me lancei eu a devorar os caracteres impressos para encontrar tal novidade.

Mas não, o tema não era o simplex. Era muito mais simples que isso.
É de todo impossível para nós, o Zé Povinho luso, abarcarmos em nosso intelecto com assuntos tão complexos quanto o simplex. E verifiquei que, pedagogicamente, a personalidade ao invés de abordar tema tão difícil optou por um que fosse mais avançado. Certamente desejando que nós, o Zé Povinho, pudéssemos ascender a essa parte do Olimpo que, talvez por causa das ditaduras - que, por sinal, até usavam o lápis azul para impedir a publicação de temas -, tão violentamente nos foi vedada; e que parece voltar a ser moda.
Sempre que pedagogicamente nos falam ou transmitem uma ideia, nós, o Zé Povinho, captamos de imediato o sentido.
E como o sentido nunca é apresentar contas do que se faz mas como os outros devem fazer, captando bem a ideia, ficámos a saber que da próxima vez em que nos sentirmos desconfortáveis com uma qualquer condição que se tenha assumido, a melhor forma para exorcizar o preconceito sobre nós mesmos será falar publicamente do nosso preconceito a nosso respeito.

Traduzindo: fiquei com a impressão que a condição que se assume afecta mais quem a assume do que aqueles que nada têm com isso. E quando se pretende que outros aceitem como natural aquele que se entende como natural mas que não se aceita naturalmente, há por aqui qualquer coisa que nada tem que ver com coragem.
Eu aconselharia os nossos governantes a prestarem mais contas sobre o que fazem no período laboral, porque isto interessa à nação.
Sem imagem de perfil

De Zeus a 27.08.2017 às 00:34

Depois de ter lido mais um comentário idiota, o melhor é "despejar" tudo.
Há anos que sabemos que andam a pulverizar produtos Tóxicos, atacando tudo o que for biológico, afectando sem dúvida nenhuma a saúde humana.
Em Portugal, há anos que muitos sabem, incluindo ver a diferença entre rastos de aviões e Chemtrails, houve quem os visse na Zona Norte, Centro, Distrito de Santarém, Sul e, várias vezes, sobre Lisboa, até aqui, é notícia velha, incluindo ser uma tecnologia militar mas, o pior é que há mais problemas para além da toxicidade.

Quem quiser que pesquise porque não se ficam por ionizar a atmosfera, há muito mais no Programa. Com o desenvolvimento da nanotecnologia, a maioria nem sequer sabe da missa a metade.
Quem viu o último vídeo do meu comentário anterior pode ver mais alguns porque o conhecimento do que verdadeiramente se passa, exige uma visão ampla, muito para além do "nosso quintal", convém capacidade de pensamento crítico e, principalmente, dedução lógica, sem a qual nunca perceberá o real objectivo de quererem Globalizar.

Informação antiga:
https://www.youtube.com/watch?v=WgpZm7N7YRs
O que andam a pulverizar pelo Mundo? Chemtrails ... Rastos químicos

Informação mais recente:
https://www.youtube.com/watch?v=YLe8U9zckLE&feature=em-uploademail
"SMART DUST" - IT'S INSIDE YOU, SPRAYED WITH CHEMTRAILS

Acontecimentos cada vez mais fora do normal, toda a gente nota mas, se nada os fizer começar a pesquisar, podem continuar a "dormir" mas, depois, não venham dizer que ninguém vos avisou.
Sei que é difícil entender e absorver tanta informação, o mais fácil será não acreditar mas, com a net a ficar cada vez mais controlada, se não for agora, o tempo está mesmo a esgotar-se e, a única maneira de travar toda esta loucura é, a maioria, ter Consciência do que Verdadeiramente se passa, atrás de todo o Teatro para entreter as massas.
Quanto a fogos, talvez tenham a resposta, no 1º destes dois vídeos.
Sem imagem de perfil

De Zeus a 27.08.2017 às 12:20

Já agora, para quem ainda viva no Mundo dos acasos e das coincidências e, nem sequer imagine para onde nos estão a levar, deixo a nova lei inglesa que, "por acaso" e que eu saiba, também foi aprovada em, pelo menos, mais dois países, Alemanha e Canadá: The hate crime law.

Um daqueles "acasos" de lei que também deve estar no pacote daquela "recomendação" que nos foi dada, ao sairmos do Procedimento por Défice Excessivo, de que ainda tínhamos muito para fazer em "várias áreas" e, certamente, esta lei pertencerá a uma dessas áreas.

Suponho que o cadastro de terras tenha saído do mesmo "saco" pois Tudo o que existe ao cimo deste Planeta que tenha valor Real, pelo que sei, já começou a ser digitalizado, onde, futuramente, serão incluídos os seres humanos ou não sabiam que podem ser avaliados economicamente?
Quem tem 3/4 de tudo o que existe neste Planeta que, controla através de meia dúzia de Corporações, está no bom caminho para controlar mesmo tudo, outra mera "coincidência". Peço desculpa por me repetir, seja nas ideias ou nas palavras mas, isto de tentar atravessar tanto nevoeiro ou poeirada, instalada em tantos neurônios, não é tarefa fácil porque, pílulas azuis e vermelhas, só mesmo em filmes de hollywood, outro meio pertencente aos mesmos para, tão convenientemente, passarem certas ideias e conceitos "culturais".

Nunca esquecer e, convém repetir que só saímos do PDE, não quando a Dívida estava nos 124% do PIB mas, aquando atingiu os 130%, outro "miminho" para os "bem comportados" que, até já vão nos 138,64% e sempre a subir, quase diariamente.
Dívida=Grilheta=Subjugação a uma "entidade" que, a nível global e, com várias "Delegações", para as quais nenhum cidadão elege "dirigentes"... outra mera "coincidência".

Mas, voltemos à tal Lei que têm tanto interesse que seja implementada Globalmente porque, para uma minoria reinar, precisam de um determinado tipo de Mundo:

https://www.youtube.com/watch?v=6beJpSOPjec&feature=em-uploademail
Godfrey Bloom on the madness of British hate crime law
Imagem de perfil

De cristof a 30.08.2017 às 07:34

quando terminar o doutoramento do facebook vai escrever um livro ? avise aqui que gostava de oferecer a uns amigos alucinados.
Sem imagem de perfil

De glu glu a 27.08.2017 às 15:53

ahahahah

caro Zeus! é agora a minha vez de não conseguir conter tal enlevo.

"que o Conhecimento nos ilumine e a Verdade nos ofusque."

qualquer que ela, a Verdade, seja.

...que, ela, a Verdade, está por todo o lado - do campo de Higgs aos "documentários" do x-tube...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.08.2017 às 19:37

Quem não quiser resumido, pode começar por ler estes e, se quiser dou-lhe mais.

https://fedgeno.com/documents/future-strategic-issues-and-warfare.pdf
(The above is what appears to be PowerPoint presentation)

Page 43 talks about Micro Dust Weaponry for Lungs
Page 41 Sensor Swarms: Smart dust
Page 82 Unconventional Nuc [Nuke] Delivery including tidal waves and earthquakes
Page 55 “What is Apparently “Legal” [and they can do without oversight. Weather geoengineering fall into that category and be considered “An act of God ]

US Air Force / Weather as a Force Multiplier: Owning the Weather in 2025 http://csat.au.af.mil/2025/volume3/vol3ch15.pdf
[a US Air Force document]
Sem imagem de perfil

De glu glu a 28.08.2017 às 14:55

continua sem compreender.

esses conceitos já eram velhos quando eu era novo. sim, reconheço, à ocasião alguns deles eram mais conceito que implementação.

aquilo que teima em esquecer é que os regimes mais nefastos e repressivos deste planeta não são os das nações tecnologicamente mais desenvolvidas.
coreia do norte, arábia saudita (e faltam aqui tantos outros) não necessitam de sondas mentais, nanotecnologia, armas nucleares, anti-matéria, tele-transporte, ou o que quer que seja a vanguarda da tecnologia para, não existindo intervenção externa, terem atingido o "fim da história".

outra coisa que não compreende é que os estados tecnologicamente desenvolvidos fomentam as teorias "da conspiração" como propaganda e pára-raios.

o meu caro, assumindo como verdadeira, sem questionar, toda essa propaganda, já foi absorvido pelo sistema que tanto despreza.

temos um avião revolucionário. o que fazemos?
passamos oficiosamente a desinformação de termos capturado um veículo não terrestre e seus tripulantes (até filmamos uns vídeos manhosos), e de estarmos a dissimular e a ocultar tudo com a intencionalmente mal amanhada estória "oficial" de um balão meteorológico.

um observador externo, ainda que céptico, fica sem saber o que quer que seja. até pode não haver avião nenhum. a verdade torna-se um microcosmo oculto num oceano de enganos.

é assim tão complicado?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.08.2017 às 19:32

Sem questionar?
O que é que você questiona?
Talvez não lhe interesse, por pensar estar bem acomodado mas, não se iluda, desta vez, não são grupinhos de vão de escada, nem governos que se podem substituir, temos uma elite internacional bem encaminhada para colher os frutos daquilo que semearam e, com as Nações endividadas e governos bem controlados através de Dívidas Impagáveis e sempre a aumentar, quem não está a perceber é você ou percebe e tenta que ninguém perceba porque ter uma Dívida de 138,67%, a crescer diariamente serve Quem? E todos os Países Europeus com o mesmo problema, com incompetentes no Poder ao serviço de Quem?
Guerras têm servido Quem?
Centralizar a criação do dinheiro que, passou a ser teclado, criado do ar, sem ser garantido por ouro nem por coisa nenhuma, serve a Quem?
Destruir a cultura ocidental, serve a Quem?
Não me diga que tudo acontece por acaso ou coincidência porque, para si, nem há nada a questionar, veja mais umas novelas e não perca o Futebol porque do resto não percebe mesmo nada, já lhe colaram a venda à frente dos olhos ou vendeu-se a troco de migalhas.
Estamos então em grande desenvolvimento civilizacional, tudo Natural quando nem votar significa mais alguma coisa do que distribuir tachos, talvez o seu ou a continuação das suas mordomias e, até aposto pelo seu comentário que ler PDF's em inglês não é a sua especialidade que será mais o "eu sei tudo".
A Europa, não há dúvida nenhuma, está cada vez "melhor".

https://www.youtube.com/watch?v=XAsMVwqmeCY
E03 - "Environmentally friendly" - Refugee crisis in EU

Saberá fazer copy paste dos links e chegar aos vídeos?
Começo a duvidar de tanta "sabedoria".

Sem imagem de perfil

De V. a 27.08.2017 às 17:42

Tanta criatividade e ainda não criaram um tuk tuk que não pareça manhoso (por acaso vi um 4 rodas largas muito giro no campo das cebolas no outro dia mas foi só um) e ainda não arranjaram um espaço decente para pôr aquela tropa fandanga toda que está à frente da Sé. Inadmissível que um sítio daqueles pareça um mercado de gatos esfolados e cabeças de pigmeu mirradas na Indonésia. Tal como os tuk tuk todos alinhados na antiga "Cercamoura" com a a esplanada do outro lado completamente imunda — e tudo muito terceiro-mundista com um grupecos africanos muito manhosos num umbalélé abandalhado que não interessa nem ao menino jesus. Cheira tudo a festa do Avante. O glorioso e porco mundo multicultural do Chamuças e seus aliados.
Imagem de perfil

De cristof a 30.08.2017 às 07:41

um comentario pouco preciso dum brasileiro sobre a UE foi respondido com o conselho de que se preocupe com as "misérias" do seu (Brasil) país, que fazem inveja a muitos bangladesh. não quero ser deselegante mas olhe que para a UE muita (quase toda) a população mundial gostaria de vir viver; mesmo sem saberem, nem se preocuparem em aprender, com rigor minimo, como funcionam e são os tratados. Para quem escreve faz a diferença e ajuda quem os lê a não serem unduzidos em confusão, lerem os tratados e comentar de acordo.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D