Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A relegitimação que faltava

por Sérgio de Almeida Correia, em 01.12.15

20151112_022343.jpg

A notícia de que PSD e CDS-PP apresentarão uma moção de rejeição ao Programa do XXI Governo Constitucional, desde já condenada ao fracasso, vem fazer justiça ao passado, retomando aquela que para um  académico seria "a normalidade": governo empossado, programa discutido, moção de rejeição chumbada. Um ciclo que se repetirá com aqueles que há algumas semanas criticaram o comportamento do PS e que, à falta de melhores argumentos, irão agora copiar. Um modelo falhado para prolongar o espectáculo.

A diferença é que desta vez a moção de rejeição, podendo servir para confortar as hostes da defunta coligação e o seu exército de apeados e desvalidos, reforçará igualmente a vontade da maioria parlamentar e permitir-lhe-á dar uma prova acrescida da sua consistência aos olhos dos portugueses no momento do chumbo.

Não sei quem terá sido o estratega da moção nesta altura, mas pelos efeitos que causará está já de parabéns. Um verdadeiro génio. 

Autoria e outros dados (tags, etc)


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 01.12.2015 às 17:51

Idiotas. Vão apresentar uma moção de rejeição a um governo que ainda nem começou a governar.
É fazer oposição por oposição. Sem nenhum objetivo concreto.
Idiotas.
Sem imagem de perfil

De Carlos a 02.12.2015 às 09:55

é isso e o idiota que ainda não tinham sido as eleições já anunciava o chumbo do programa e do orçamento de quem posteriormente as venceu.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 02.12.2015 às 10:59

Tem razão. Durante as campanhas eleitorais os políticos dizem e fazem muitos disparates. Os quais merecem justas críticas.
Mais problemático é, no entanto, quando os políticos continuam a fazer disparates depois das eleições, sem perceberem que já não é tempo disso, que já terminou a hora do recreio.
Sem imagem de perfil

De Jorg a 01.12.2015 às 17:54

Apeados e desvalidos, assim com de testas franzidas e cabelos (a quem se aplica) assim para os desgrenhados & desordenados de velório de defunto, em consonância com a estrutura d'ideias parece estar cheia a foto .... só que é tudo fauna assim de canhotos inclinados...um deles, portador de boa nova de Unidades e tal, e Democracia social e tal, parece que anda (ou andou) a promover peditório para pagar dividas de eleições - só votarem LiVRE(MENTE) meia duzia d'almas, certamente apeadas e desvalidas....

Quanto a legitimação, (re)ligitimação , sacudir de casaco, explicação por tão fraco governo - com o sortido de desvalidos e apeados do Socretinismo da Bancarrota, mais umas cartoladas (excepção talvez para Caldeira Cabral ou Vieira da Silva [que apesar de ter sido um dos a ser 'papado' pela mitomania do postiço engenheiro domingueiro de France Po, deixou impressão de singular competência] mais uns desconhecidos - é a xuxalada que anda sempre a insister nessa necessidade.... Lá saberam porquê....
Sem imagem de perfil

De Nuno a 01.12.2015 às 17:55

É um erro estratégico apresentar uma moção de rejeição.

Fazia muito mais sentido desafiar o PS a demonstrar a maioria positiva que diz apoiar o programa de governo a apresentar uma moção de confiança.
Sem imagem de perfil

De José Moura Pereira a 01.12.2015 às 19:57

Não há nada que legitime essa coisa; nem o tempo.
Sem imagem de perfil

De Teodoro a 02.12.2015 às 11:09

Triste espectáculo mais uma vez patrocinado por essa coisa PaF, (se é que ainda existe). Quando é que vão perceber que já não estão em maioria e que devem ter uma estratégia diferente? Enfim tudo isto porque no fim são uma cambada de putos jotinhas estúpidos e mimados que não sabem ficar sem o brinquedo.

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D