Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A cabala (1)

por Pedro Correia, em 24.11.14

«Eu não dou nenhuma presunção de boa conduta ao doutor [juiz] Carlos Alexandre.»

 

«O que é inquietante é esta arrogância do poder judicial. Há com enorme frequência uma enorme arrogância dos juízes e do poder judicial, que entendem que não têm que dar explicações a ninguém.»

 

«A democracia está em perigo.»

 

Manuel Magalhães e Silva (SIC Notícias, 22 de Novembro)

Autoria e outros dados (tags, etc)


13 comentários

Imagem de perfil

De Sérgio de Almeida Correia a 25.11.2014 às 03:09

Tem razão. Mas olhe que há muita gente a preocupar-se com a violação do segredo de justiça há muitos anos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 02.12.2014 às 17:12

Caro Sérgio:

Sou incapaz de presumir que o Ministério Público "avisou" a SIC que Sócrates seria detido no aeroporto. Desde logo porque se isso tivesse ocorrido certamente a SIC exibiria imagens dessa detenção. Ora isso não aconteceu. Vemos apenas uma viatura passar em alta velocidade, na estrada, à noite, e só a muito custo percebemos que lá dentro vai Sócrates. Nem chega a presumir-se que essas imagens foram colhidas nas imediações do aeroporto. Nem muito menos se infere que foram captadas por uma equipa de reportagem da SIC, pois no mínimo teriam muito mais qualidade técnica do que esta tem.
A SIC, aliás, já fez questão de desmentir categoricamente que tivesse sido alertada pelo Ministério Público. Tenho de considerar válidas estas declarações, até eventual prova em contrário.
O problema de Magalhães e Silva e de alguns outros - advogados e não só - que se apressaram a "tomar de assalto" as televisões logo nas primeiras horas sem nada conhecerem do processo nem sequer do 'modus faciendi' das autoridades judiciais, é exigirem a presunção de inocência a Sócrates, por um lado, enquanto faziam tábua rasa, por vezes até na mesma frase, da mesmíssima presunção que é exigível às autoridades judiciais - e ao Ministério Público em particular - em matéria de suposta violação do segredo de justiça.
Dois pesos, duas medidas. O eterno problema do comentário político português.

Um abraço.

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D