Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O elogio de Jerónimo de Sousa

por Carlos Barbosa de Oliveira, em 08.09.09

A SIC decidiu  mostrar-nos a faceta dos líderes partidários no seu dia a dia e dar-nos a conhecer o seu lado “humano”. Foi uma boa ideia.
Não tive oportunidade de ver, de início, o programa  com o “retrato” de Jerónimo de Sousa. Quando cheguei já estava Luís Delgado a fazer o seu comentário. Abri a boca de espanto quando ouvi o tom elogioso, quase embevecido, com que ele se referiu a Jerónimo de Sousa e ao PCP.

Não é que discorde do que ele disse. Na verdade também  simpatizo com Jerónimo de Sousa e não vejo no Partido Comunista aqueles papões com que é normalmente catalogado por Sócrates e pela direita em geral. Mas que diabo… o PC também não mudou assim tanto, para justificar a afirmação de Luís Delgado de que já não há militantes com passado de luta contra a ditadura. E deu mesmo o exemplo de Jerónimo de Sousa que, na sua opinião, nunca viveu em ditadura. Ora Jerónimo de Sousa nasceu em 1947, não foi em 1974! E já agora, Luís Delgado podia ler os editoriais do Avante! Percebia que, afinal, ainda há alguns tipos por lá que se mantêm fiéis ao passado estalinista, ajudando a alimentar algumas ficções sobre a História e a denegrir a imagem  actual PCP.
Que diferença entre este Luís Delgado e aquele que sempre foi fanático admirador de Bush e acólito de Santana Lopes. Serão gémeos dizigóticos?
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


20 comentários

Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 08.09.2009 às 09:27

Caro CBO, aconselho-o a ouvir o contraditório na antena 1 ás sextas 19Horas.
abraço
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 08.09.2009 às 14:21

Já fui ouvinte habitual desse programa mas, por razões várias, há meses que não consigo sintonizar-me com a Antena 1 a essa hora. Sei, no entanto, qie perco um bom momento da rádio.
Imagem de perfil

De ariel a 08.09.2009 às 10:15

São trizigóticos - Buch /Santana Luis Delgado, sendo que este último, é o mais inofensivo, afinal de contas não tivemos de levar com ele como político. Livra!. Há uma certa direita que fica fascinada com os comunistas, desde que não lhes "assaltem" a propriedade...
Imagem de perfil

De João Carvalho a 08.09.2009 às 10:58

Sabe que tem sido muito recomendada, a menina?
Imagem de perfil

De João Carvalho a 08.09.2009 às 11:43

Sim, sim. Por várias marcas de máquinas de lavar. Hehe...
Imagem de perfil

De ariel a 08.09.2009 às 12:11

Pois, também já reparei... :)))
Imagem de perfil

De João Carvalho a 08.09.2009 às 12:21

Não era a Manuela Moura Guedes que fazia um desses anúncios?
Imagem de perfil

De ariel a 08.09.2009 às 12:32

Acertou, veja lá como são as coisas eheheh .Ela jurava que era o melhor que havia, sem margem para dúvidas, até deu uma entrevista em que comprovava por A + B a sua infalibilidade :))) Já não me lembro é se foi antes ou depois de ser deputada da Nação, ou antes ou depois de querer ter uma carreira como cantora, ou antes ou de pois de tentar ser jornalista. Agora o que sei, é que palco nunca lhe faltou :)))
Imagem de perfil

De João Carvalho a 08.09.2009 às 12:34

Bem me parecia.
Versátil mais versátil não há.
Hehehe...
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 08.09.2009 às 14:33

Muito versátil em tudo, esta MMG. E também muito despudorada na forma como, desde há muitos anos, ataca os seus colegas de profissão. Isto, claro, partindo do princípio que ela agora é jornalista. Já não é deputada, nem cantora, apenas continua a vender a banha da cobra e a arrastar atrás de si uma onda entusiástica de seguidores.
Sem imagem de perfil

De mdsol a 08.09.2009 às 13:28

Interessante este diálogo eheheh
A Júlia Pinheiro também anunciou o produto. Mas, Ariel, também gosto da palavra lida ao contrário: Leira.


Cumprimentos lavadinhos a ambos.

:)))))))
Imagem de perfil

De ariel a 08.09.2009 às 14:35

Lavadinhos e escovados também para si Maria do Sol. :))) Já a Júlia Pinheiro parece-me que nunca tentou ser jornalista...
Sem imagem de perfil

De mdsol a 08.09.2009 às 16:33

A JP tentar tentou e chegou a fazer o Praça Pública no início das emissões da SIC.
Mas concordo que a MMG é caso único. Multifacetada que só visto. Mas já há muito que penso isto da senhora. Nomeadamente quando resolveu ser deputada da nação pelo Partido Popular ex e acual CDS.
Imagem de perfil

De ariel a 08.09.2009 às 16:53

Olhe essa escapou-se-me :))) já nem me alembro :)dessa Praça Pública :)) não deve ter deixado grande memória..
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 08.09.2009 às 14:23

Pois é Ariel... Não é por acaso que sempre que ouço elogios da direita aos partidos de esquerda, me lembro da história do "Capuchinho Vermelho".
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 08.09.2009 às 10:32

A direita mais 'musculada' (não é o caso do Luís Delgado) há muito vem exprimindo a sua simpatia pelo Partido Comunista, enquanto debita ódio pelo Bloco de Esquerda. Não é preciso sair do reino da blogosfera para perceber isso. Entre Jerónimo e Louçã, nem um segundo de hesitação: escolhem o primeiro. E o culto a Estaline bem patente no órgão oficial do PCP, até pela pena do seu chefe de Redacção, só contribui para esta atracção, não a atenua. Homens de 'pulso forte' continuam a ser uma tentação, numa certa esquerda e numa certa direita, nostálgicas de um tempo em que reinava a 'ordem nas ruas'.
Imagem de perfil

De ariel a 08.09.2009 às 11:32

Ora bem, é isso mesmo Pedro. Jerónimo representa uma força política perfeitamente controlada, previsível, confiável, com ou sem Jerónimo. Tirem o Louçã do Bloco e vão ver o que acontece, e mesmo assim...
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 08.09.2009 às 14:29

A grande questão que se coloca - e ontem o debate Portas/Jerónimo deixou isso bem claro- é se o PCP é um partido de esquerda. Não chega abnadar sempre na boca com os direitos dos trabalhadores e dos mais fracos para se ser de esquerda.
De qualquer modo, o que pretendia salientar com este post, era o facto de ter uma grande desconfiança quando a direita elogia o PCP. Jerónimo de Sous deixou-se enredar no cantop da sereia de Paulo Portas e não desmontou a hipocrisia. Correndo o risco de me repetir: não fez a psicanálise do discurso de Portas, que nos conduziria, inevitavelmente à história do Capuchinho Vermelho.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 08.09.2009 às 10:56

Boa.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D