Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Quem está a ganhar com a diversão?

por João Carvalho, em 06.09.09

Esta noite, ao assistir ao Eixo do Mal (como contei em post abaixo), verifiquei com espanto que ainda há muita gente a ver o caso TVI só com um olho. Mesmo entre pessoas que pontuam na comunicação social, o que é mais espantoso ainda. Consigo entender a confusão de um leigo nestas matérias, como de alguns comentários que temos recebido aqui, de quem está menos atento e mais afastado destas coisas e tem outras preocupações. Entendo, sim. Mas – que diabo! – começa a ser altura de distinguir o que está em causa. Era o que eu esperava, pelo menos, por parte daqueles que era suposto estarem informados e acostumados a ter uma visão mais ampla dos acontecimentos.

Trata-se de intuir que a legislação sobre esta matéria foi atropelada. Trata-se de reflectir sobre o afastamento de uma jornalista. Trata-se de discutir a alçada e os limites das administrações que querem ter órgãos de comunicação social. Trata-se de tudo isso. Só não se trata de avaliar a qualidade da jornalista e do jornalismo que ela expunha naquele espaço de informação.

Sejamos sérios: não houve tempo bastante, ao longo de tantos meses, para fazer essa avaliação e opinar sobre isso à fartazana? A que propósito se perde agora tempo a discorrer sobre a jornalista e o seu tom? A quem interessa ficar a chover no molhado e deixar o sol tapado com a peneira? Só por manobra de diversão, que alguns ingénuos têm ajudado a prolongar. E isso – pensem bem – é muito capaz de estar a dar jeito a alguém.

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

Sem imagem de perfil

De Carlos Pimentel a 06.09.2009 às 05:03

...Um reparo, há um erro de concordância verbal em: "daqueles que era suposto estar".

Abraço.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 06.09.2009 às 08:28

Thanks. Feito.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 06.09.2009 às 10:25

Claramente (e naturalmente) de acordo, compadre. Da primeira à última linha.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 06.09.2009 às 13:00

Ainda bem que o dizes, compadre. Fico mais tranquilo. Porque já cheguei a pensar que eu é que estou obtuso.
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 06.09.2009 às 13:50

Onde é que eu assino?
Imagem de perfil

De João Carvalho a 06.09.2009 às 16:08

Basta-me a tua palavra e fico grato.
Sem imagem de perfil

De Fernando a 06.09.2009 às 18:13

É isso mesmo, caro João Carvalho. O problema não tem que ver com bom ou mau gosto, apesar de achar que os gostos possam ser discutidos.

A cultura política dos portugueses (excluo quem, de um modo ou de outro, está a aproveitar-se), de uma maneira geral, não vai além do nível de um comprador de sapatos. Compra-os porque acha bonitos, só que, muitas vezes, acaba por verificar que são incómodos. Aí, tenta socorrer-se das leis do consumidor para devolvê-los, só que, quando vai fazê-lo já é tarde.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 06.09.2009 às 19:37

Claro, Fernando. Os gostos podem discutir-se, sim, mas convenhamos que já houve muito tempo e oportunidade para discutir o assunto. Agora, o tempo é outro e o que está em causa também.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.09.2009 às 04:05

Yessss.

Carlinhos

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D