Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sócrates agradece

por Carlos Barbosa de Oliveira, em 16.01.09

Manuela Ferreira Leite já  tinha pedido várias vezes  para não votarem nela.

Primeiro, quando chegou à liderança do PSD e avalizou a política económica e financeira de Sócrates. Depois,  embora assumindo-se como reformista, caiu na tentação de dizer que em democracia não se podem fazer reformas contra os grupos profissionais. Mensagem aliás bem interpretada pelo presidente da Câmara de Caminha que, um dia destes, receoso de perder uma votação, demitiu o vice-presidente (também do PSD mas que, por questiúnculas internas passara a votar ao lado do PS) e substituiu-o por outro, numa   prática  de fazer inveja aos “ditadores” sul-americanos,  infelizmente pouco noticiada pelos nossos media
Ontem, na entrevista a Judite de Sousa (que não pude ver, mas de que me chegaram  ecos através da imprensa) declarou que, no caso de ganhar as eleições suspenderia o projecto TGV. Pessoalmente considero a decisão um erro crasso, o que me leva, pela primeira vez na vida, a concordar com Rui Rio.
Gosto de andar de comboio, considero-o o transporte do futuro e far-me-á muito jeito para viajar pela Europa. Tem, ainda, a vantagem de ser menos poluente e consumir menos energia.
Depois ainda teve o topete de dizer que afinal Santana Lopes é fixe e que não sabe se vai baixar impostos. Mas isso são minudências, porque já me habituei a ver MFL defender uma coisa hoje e amanhã o seu contrário
Eu já tinha muitas razões para não votar em MFL, porque não tenho a memória curta. Foi uma péssima ministra das finanças, uma medíocre ministra da educação e a sua sensibilidade política faz-me sempre lembrar a história do elefante numa loja de porcelanas. Agora, MFL deu-me mais algumas, mas penso que até às eleições (se lá chegar…) vai dar-me muitas mais.
Acredito, cada vez mais, que MFL não quer  ganhar as eleições em 2009. Prefere esperar que a crise passe e, na altura própria, o amigo Cavaco lhe dê uma ajuda demitindo o governo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


37 comentários

Imagem de perfil

De João Carvalho a 16.01.2009 às 12:54

Quanto ao TGV, Carlos, sou pelo 'não' já desde o início, por motivos que um dia destes poderemos aprofundar. E também defendo os combóios, veja bem.
Já sobre Santana Lopes, acho imperdoável. E também acho isso há muito tempo: desde a Figueira da Foz e pela escala do Princípio de Peter acima...
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 13:10

Já viu, João; a maravilha que é poder sair de Lisboa a meio da tarde, ir jantar a Madrid e regressar depois de umas "copas" na Castellana? Confesso o meu desconhecimento em relação a questões técnicas ou outras, que possam aconselhar a desistência mas preferia o TGV a um novo aeroporto, sem dúvida!
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 16.01.2009 às 14:13

Nem TGV, nem aeroporto, Carlos. Quem não tem dinheiro não tem vícios, sempre ouvi dizer!
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 15:42

Não sou assim tão radical, Teresa . Embora o meu apoio ao TGV radique em bases meramente pessoais e sem qualquer fundamento técnico-financeiro, parece-me que seria uma mais valia para a nossa ligação à Europa, principalmente agora que vejo o aeroporto ira para longe de Lisboa.
Parece-me, por outro lado, que a proposta de Fonseca Ferreira ( que não sei se ainda se mantém inalterada) é bastante sustentada e avaliza o TGV
Admito, porém, sem qualquer rebuço, que o projecto possa ser ruinoso para o País como afirmou ontem João Cravinho.
Sem imagem de perfil

De Viagens Lacoste a 16.01.2009 às 18:15

Caro Carlos, qual será a percentagem de portugueses que poderia sair de Lisboa a meio da tarde e tomar umas copas à Castellana, jantar por lá e voltar no mesmo dia se os preços "falados" para o TGV são 100 euros uma ida?
Pagar o investimento todos pagarão, quem pode andar de TGV e quem não pode, andar é que é para um nicho. Acabou 3ªfeira uma promoção na Easyjet com descontos de 25% para todos os voos, uma ida e volta a Madrid com taxas incluídas podia ser adquirida por 40 euros (contra os 200 do TGV). Sem promoção anda pelos 60. Fará mesmo falta o TGV?

Cumprimentos
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 16.01.2009 às 14:11

Estamos em sintonia nestas duas questões, J.C.: TGV e Santana (com princípio de Peter incluído e tudo) :))
Imagem de perfil

De João Carvalho a 16.01.2009 às 15:58

Parece-me óbvio, Teresa. Mas o Carlos não defende o projecto: defende uma regaliazinha. Compreende-se.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 16:08

Tocou na "mouche" João. Na verdade é isso mesmo...fazia-me um jeitaço ( como aliás admito no post).
Imagem de perfil

De Afonso Azevedo Neves a 16.01.2009 às 14:11

a presidente da cmc, é uma senhora (uma independente) eleita pelo psd.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 15:29

Realmente é uma senhora, mas é do PSD. Quem tinha passado aindependente era o vice-presidente,entretanto demitido. Pelo menos, é o que se infere daqui:
http://jn.sapo.pt/Opiniao/default.aspx?content_id=1069240&opiniao=Manuel%20Ant%F3nio%20Pina
e da única notícia que li sobre o assunto.
Sem imagem de perfil

De Anti a 16.01.2009 às 15:35

Se não encontra razões para não votar em MFL , então é de muito fácil solução. Tem a opção Sócrates, altamente credível nas suas promessas eleitorais , tem o Paulo Portas que poderá ser a muleta de que o PS precisa, tem o Jerónimo de Sousa do partido das paredes de vidro e finalmente a "agremiação" que já foi do Zé, mas que sempre foi do demagógico Louça. Como vê é muito fácil....

Cumprimentos
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 15:46

A esta questão lhe responderei num post, no próximo domingo. Mas levanto desde já a ponta do véu sobre a minha posição. Parece-me perigoso pensar que não há alternativas...
Sem imagem de perfil

De Anti a 16.01.2009 às 16:11

Errata:
Digo...."Se não encontra razões para votar em MFL ...

Quanto às alternativas, obviamente que as há. Um dos partidos do Saramago, o partido do voto em branco....
Imagem de perfil

De João Carvalho a 16.01.2009 às 16:03

Anti, Anti... Não votar em Manuela Ferreira Leite não é necessariamente votar em qualquer dos outros. No panorama actual e na parte que me toca, começo a pensar no direito que me assiste de protestar e votar em branco. Ou mehor: nulo, porque não gosto de pensar na possibilidade de algum habilidoso conseguir usar o meu boletim e prefiro riscá-lo.
Sem imagem de perfil

De Anti a 16.01.2009 às 16:21

Caro João Carvalho, não tinha visto a sua opinião sobre o voto em branco antes de enviar o último post . É sempre uma hipótese usar essa opção que não me agrada particularmente. Prefiro dar um tiro e pagar pelos erros que cometi, porque há sempre a chance de acertar num coelho mesmo no meio da escuridão.

Cumprimentos
Imagem de perfil

De João Carvalho a 16.01.2009 às 20:53

O problema é se mata o coelho e a época de caça é aos patos, caro Anti. Mas concordo no essencial: o voto em branco ou nulo também não me dá grande alegria. A escolha é que está cada vez mais estreita...
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 16.01.2009 às 15:41

Meu caro e bom amigo de bairro, hoje não estamos,definitivamente, de acordo, como social democrata detesto festas, alaridos e folclore, mas também detesto cinzentismos e teorias da desgraça que não nos levam a lado nenhum nem com a ajuda do TVG. A linha pendular custou 400 milhões, agora para ganharmos mais 10 minutos, segundo os optimistas, era necessário mais um horror de dinheiro, de carro demoro 5 horas a chegar a madrid, para apanhar o TGV tinha de fazer alguns, consideraveis, kms de carro, seria só bom para comodismo Lisboeta, mais nada.
No Vila Forte comentadores focaram aspectos importantes que me fizeram pensar, sabemos hoje(CM) que o TGV foi ou vai ser adjudicado à Mota Engil do coelhone, eu sei são 13 mil assalariados, mas não era melhor recuperarmos o nosso parque escolar, centros históricos, património, bairros sociais, pavilhões desportivos, hospitais,centros de saúde, jardins botânicos, museus, estradas municipais,reconverter a nossa floresta(a minha zona está morta devido ao cancro do pinheiro por exemplo)... e mais, não era melhor baixar a taxa única social das empresas durante um ano para valores residuais por forma a TODAS as PMEs e não só as dos amigos manterem os postos de trabalho, e que tal baixar o IVA para 15 % menos que em Espanha para alavancar(esta é de politico,eheheh) o consumo? Sei que não viu e que pode estar intóxicado pelos nossos media, mas acredite, fui muito céptico e critico em relação a MFl,mas ontem percebi e ainda bem, que há alguém que pensa diferente do artista Sócrates, quanto ás considerações pessoais da senhora deixo isso para "as marias e tv 7 dias" cá da parvónia.
Um grande abraço Carlos
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 16:14

Em relação ao Lisboa/ Porto creio que tens razão, mas depois põe-se o problema da ligação à Galiza...
Quanto ao resto:
Redução do IVA- Não me parece que vá beneficiar os consumidores, mas sim os agentes económicos, como ficou provado no caso dos Health Clubes e ginásios.
Investimento na recuperação do património: 100% de acordo
Não fiz considerações pessoais a MFL, apenas critiquei o seu desmpenho em cargos politicos, o que é bastante diferente...
Grande abraço e bom fds, Pedro

Sem imagem de perfil

De tricMFL a 16.01.2009 às 15:45

"Eu já tinha muitas razões para não votar em MFL, porque não tenho a memória curta."

"não tenho memoria curta" por isso não vota em MFL. desculpe lá que lhe diga, mas insinuar que so vota em MFL quem tem memoria curta, é ridiculo e revela bem a sua obcessão.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 16:15

Não tenho obcessões, meu caro... tenho convicções!
Sem imagem de perfil

De tric a 16.01.2009 às 16:18

isso depende do ponto de vista...
Sem imagem de perfil

De Zé da Burra o Alentejano a 16.01.2009 às 15:55

O TGV, QUE VIAJA A 300 KM/ NÃO SE JUSTIFICA PARA O PERCURSO LISBOA/PORTO (O PENDULAR COM A LINHA MELHORADA É O SUFICIENTE), COM VÁRIAS PARAGENS PELO MEIO. JÁ A LIGAÇÃO À EUROPA (NECESSÁRIAMENTE VIA MADRID) SE JUSTIFICA MAS NÃO NECESSITARIA DA ATRAVESSAR O TEJO (A 300 kM/H?) E PODERIA FICAR NO NOVO AEROPORTO, EM ALCOCHETE, NO MONTIJO OU TER A GARE FINAL NO BARREIRO. DAÍ ATÉ LISBOA O METRO SERVIRIA MUITO BEM E FICARIA MAIS BARATO E SERVIRIA AQUELAS POPULAÇÕES (LISBOA JÁ ATRAVESSOU O RIO HÁ MUITO TEMPO MAS HÁ QUEM AINDA NÃO O ACEITE) JÁ O DISSE ISTO ALGUMAS VEZES COMENTANDO CERTOS BLOGUES.
PORÉM, DADA A DIFÍCIL SITUAÇÃO ECONÓMICA ACTUAL MESMO ESSAS SOLUÇÕES PODERIAM ESPERAR POR MELHORES TEMPOS QUANDO E SE OS HOUVER....

Imagem de perfil

De João Carvalho a 16.01.2009 às 16:09

O meu 'não' ao TGV passa exactamente por aí. Para o Norte e Galiza, o Alfa com uma linha adequada serve perfeitamente (220km/hora de velocidade cruzeiro, de fábrica).
Quanto à travessia transversal (para Madrid), também sou radical. Basta olhar para o mapa do País e ver a largura. De novo, o Alfa chega e sobra, da costa à fronteira, e a viagem seria rapidíssima, assim a linha fosse também adequada.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 16:16

Subscrevo o seu comentário, embora continue a colocar a questão sobre a ligação Porto/ Galiza. Vai-se no pendular até ao Porto e depois faz-se transbordo? É uma hipótese...
Imagem de perfil

De João Carvalho a 16.01.2009 às 20:55

Quem falou em transbordo, Carlos? Vai-se no Alfa até à fronteira, isso é que é.
Sem imagem de perfil

De Virgínia a 16.01.2009 às 16:52

Parabéns pelo artigo.
Na frase "..... que MFL não quer ganhar as eleições em 2009" tem toda a razão!
Na entrevista, MFL frisou que tinha o apoio de 110.000 militantes do PSD! Chega? MFL esqueceu-se, uma vez mais dos portugueses 'anónimos' que são os que mais votam!
MFL está 'agarrada' aos seus 'generais' e está a esquecer as suas 'tropas'.
'Tropas' essas bastante descontentes com as suas estratégias!
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 17:13

Bem descontentes, como se tem notado e prova pelas sondagens...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.01.2009 às 17:10

Já se percebeu que o assunto era um mero pretexto para tentar dizer mal de Ferreira Leite. Enfim, haja paciência!
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 22:22

Bem aventurados os pacientes, que deles é o reino dos céus. Amen!
Sem imagem de perfil

De douro a 16.01.2009 às 18:50

E tudo isto acha o Carlinhos, mesmo sem ter assistido à entrevista, mas sò por lhe terem dito que ela disse o que disse e nao disse o que não disse? È obra!
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 16.01.2009 às 22:21

Pois, tenho este péssimo hábito de confiar no que leio nos jornais. Ainda não me habituei às discussões elevadas do sr. Aníbal no café do meu bairro
Sem imagem de perfil

De Amêijoa Fresca a 16.01.2009 às 18:55

O botox “socialista” da política
impregna pelos donos da moral,
na sua ânsia mediática,
vociferando a ilusão doutrinal.

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D