Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Notícia de última hora

por Leonor Barros, em 10.01.12

Diz que afinal não serão necessárias medidas adicionais de austeridade. Entendam-se que tenho que fazer do andar a postar e além disso este coração que às vezes vos escreve é fraco e o stress mata. Ó se mata.

Autoria e outros dados (tags, etc)


18 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo Desconhecido a 10.01.2012 às 17:32

O Ministro Gaspar já explicou o que se passou, ele estava a afirmar que "não....(houve umas perguntas pelo meio, que ele ignorou)... serão necessárias medidas adicionais de austeridade". E foi isso que originou este colossal mal-entendido.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:31

Ahahahahahahahahah
Essa do desvio ............................. e depois colossal vai ficar para a história.
Imagem de perfil

De Helena Sacadura Cabral a 10.01.2012 às 17:35

Não podiam ficar caladinhos até terem a certeza do que querem fazer?! Depois admiram-se de sermos um país com excessivo consumo de ansiolíticos...
Sem imagem de perfil

De IsabelPS a 10.01.2012 às 19:05

Já estou a imaginar as manchetes:

"Ministro das Finanças diz que não sabe ainda se vão ser precisas medidas adicionais de austeridade"

ou

"Não digo, prontos!"

Mais a sério, e se é que se pode confiar no estenógrafo do DN (ao minuto!), o que o ministro disse foi:

"Mais informações sobre o valor do défice terão de esperar pela apresentação do Orçamento Rectificativo, diz o ministro, que aproveita para lembrar que não serão necessárias mais medidas adicionais de austeridade por feito da transferência do fundo de pensões da banca."

Mas "Não serão necessárias mais medidas adicionais de austeridade por feito da transferência do fundo de pensões da banca" dava um título grande demais, com letras muito pequeninas. Só com óculos.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:34

Eu já não sei em quem é que se pode confiar. Isabel.
Sem imagem de perfil

De Rómulo da Silva a 10.01.2012 às 23:11

Sois uns descrentes! Eu confio no ministro. Até aparecer o próximo buraco, digamos, até ao fim do mês, não haverá aumento de medidas de austeridade.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 11.01.2012 às 13:17

Quer isso dizer que temos 20 dias sem mais medidas? Ufa, que alívio!
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:33

Exactamente. Parece que andam desorientados. Fazem afirmações e só depois da reacção de quem se indigna é que vêem o que disseram.
Sem imagem de perfil

De rui ratão a 10.01.2012 às 18:44

O ministro pode dizer o que quiser, mas que vão ser necessárias medidas adicionais, VÃO!

As receitas de impostos vão ser brutalmente inferiores ao que o governo espera; as exportações vão abrandar e a Alemanha vai entrar em recessão.

Porquê? Uma das causas radica no facto de os PIGS estarem tb em recessão, que se vai agravar, logo vão importar muito menos da Germânia.

Ou seja, o remédio não só nos vai matar a nós - PIGS -, como à promotora da cura.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:35

Não percebo nada de economia mas não seria possível um plano de resgate que não nos afundasse a todos e nos levasse nesta torrente enfurecida?
Sem imagem de perfil

De André Benjamim a 10.01.2012 às 18:52

Quer isto dizer que são mesmo necessárias medidas de austeridade. Em termos de nonsense, Lewis Carroll e Boris Vian juntos eram umas criancinhas, quando comparados com este governo. Isto só me faz lembrar a Alice (do outro lado do espelho) quando para andar para a frente tinha que andar para trás...
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:38

Ah já percebi! Dizem-me que quando no futebol os presidentes dos clubes reiteram a confiança nos treinadores é sinal de que estes não estarão por muito tempo. Portugal é assim Foi assim que Pedro Passos Coelho avisou que nos ia surripiar os subsídios naquele fatídico dia 1 de Abril :)
Sem imagem de perfil

De Arame Farpado a 10.01.2012 às 19:13

O senhor ministro das finanças disse que não haveria lugar a mais medidas de austeridade... por ESTE motivo.
O que significa que não pode descartar essas mesmas medidas por um qualquer outro.
Mas eu sou suspeito... LOL
Cumps.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:39

Claro. Há sempre um desvio desconhecido que espera por nós. Ele pode tardar mas não falhará.
Sem imagem de perfil

De IsabelPS a 10.01.2012 às 19:28

Tudo se explica:

http://videos.sapo.pt/NAkuCiU5ZjKPlbwMOTkh

Gaspar diz: "Não serão assim necessárias, POR ESTE MOTIVO, quaisquer medidas adicionais de austeridade."

A jornalista reitera mais à frente: "Garante o ministro que não VÃO HAVER novas medidas de austeridades por este motivo."

Valha-nos o Crato.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 19:41

Estou muito curiosa em relação à reforma curricular. Esperemos então pelo Crato. Sempre é mais giro e mais bem falante :)
Sem imagem de perfil

De Carlos Cunha a 10.01.2012 às 20:53

a LB acha que o crato é giro? nessa freguesia gosto da flor da rosa. talvez seja pelo nome, que me fascina.
consta que anda p´rá aí alguém a tentar passar-se por um novo "prior do crato", que até já foi apelidado de taliban, porque queria (quer?) implodir o me.
entretanto parece que se retirou para meditar e que vai aparecer em público para apresentar as revelações que resultaram dessa meditação.
desconfio muito de revelações resultantes de meditações de sacerdotes. quando era miúdo e ouvi uma catequista dizer que o joão baptista tinha ido jejuar para o deserto para falar com deus, disse-lhe: assim também consigo falar com deus.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 10.01.2012 às 21:02

Acho o Crato giro mas é só brincadeira, claro, os ministros não se medem assim, como se sabe. Era óbvio que depois do Crato fazer parte do ME já não o quereria implodir. Deve haver por aí muitos favores a pagar para que tal fosse possível. A máquina é demasiado pesada. Como disse antes, estou curiosa também em relação ao estatuto do aluno.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D