Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Reflexão do dia

por Pedro Correia, em 15.11.11

«Confesso que, de há uns dois anos a esta parte, estou pessimista. Muito pessimista. E que não excluo um cenário de desagregação súbita ou deslizante da Europa, com tudo o que isso significa para as democracias e -- há que dizê-lo sem tibiezas -- para a paz no continente.»

Paulo Rangel, no Público

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Sem imagem de perfil

De sampy a 15.11.2011 às 12:44

Espero que seja um extracto da carta de demissão de deputado do Parlamento Europeu.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 15.11.2011 às 13:10

Demissão? Porquê demissão?
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 15.11.2011 às 14:19

A desagregação é excelente para a Paz na Europa.
O que é diferente não deve estar colado. É essencial para a Liberdade que quantos mais países existirem em todo o mundo melhor.
Parece-me que o senhor Rangel está a dizer que os Europeus são uns canalhas. Se o está a dizer não se percebe porque é que quer canalhas unidos em dimensão continental e que assim há "paz".
É como dizer que dentro de um casamento forçado não há violação.
Sem imagem de perfil

De CAL a 15.11.2011 às 17:24


Seu pessimismo está se confirmando!
"Risco de França, Espanha, Bélgica e Áustria em níveis recorde". Econômico
Salve-se quem puder!
Imagem de perfil

De monge silésio a 15.11.2011 às 23:33

1.O Dr. Paulo Rangel é lúcido no juízo que faz.

2. As dívidas acumuladas de uma Europa que julga tudo poder ter e dar, a demografia europeia, os valores do gastar-sem-valor, e os outrora pobres países que decidiram não dar dinheiro, dão nisto.

3. Grave são hordas de jovens que pensam que tudo têm de ter de borla. Vão competir com quem já dormiu ao relento e com 1 euro por dia para se alimentar.

4. Grave é um património jurídico que julgavamos assente ruír como castelo de cartas.

5.Grave é a fragilidade da Defesa do Território em que a Europa se encontrará.

Comentar post





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D