Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Amores perfeitos

por Teresa Ribeiro, em 15.11.11

 

Afagava-lhe o pescoço com aplicação enquanto a via esticar o focinho e cerrar os olhos, em êxtase. Mas o afago não era para ela. Na verdade a mão dele deslizava ao arrepio de outros afectos.

"Nada como o amor dos animais", pensou, ao ouvi-la ronronar. Como se tivesse lido os seus pensamentos a bichana olha-o com doçura e delicadamente acomoda-se no colo desfrutando o calor que dele emana. Se falasse, dir-lhe-ia que também ele, que agora a observava embevecido a lavar as patas, era fácil de satisfazer. Sim, o amor dele por ela também era perfeito.

Autoria e outros dados (tags, etc)


8 comentários

Sem imagem de perfil

De sampy a 15.11.2011 às 12:25

Para alguém ver numa gata o paradigma do amor dos animais, o mais certo é andar a afagar um peluche.
Sem imagem de perfil

De Costa a 15.11.2011 às 16:55

Há quem prefira a subserviência do cão, que se deixa humilhar, maltratar, e sempre espera mais do mesmo, com verdadeira devoção masoquista.

Quem confunda submissão plena e incondicional com amor e dedicação, não pode entender os gatos. Não pode gostar de gatos.

O que é muito normal, num país embrutecido e onde ainda se ensina as criancinhas a atirar o pau ao gato (que, e parece que causando sério aborrecimento, não só morreu, como também incomodou certa senhora com o berro que deu; raio do bicho!).

Costa
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 15.11.2011 às 13:10

Também há gatos dedicados, Sampy.
Sem imagem de perfil

De sampy a 15.11.2011 às 14:55

Gato que é gato só ama uma coisa: a sua independência.
Gato que é gato nunca olhará para o seu dono como um igual.
Tudo o que saia disto, ou é imaginação do dono, ou é porque o gato não é gato.
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 17.11.2011 às 19:10

Sampy, apesar de haver um estereotipo que nos serve de referência, segundo o qual o gato é um animal independente, que não aceita a autoridade do dono e não se liga verdadeiramente às pessoas, quem lida com bichanos aprende desde logo que não há dois gatos iguais e que muitos não encaixam, de todo, naquele perfil.
Sem imagem de perfil

De mike a 15.11.2011 às 16:37

Teresa, a imagem confirma o que eu pensei de início, certo? Que ele é um homem e ela é uma gata. Só pode! ;-)
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 15.11.2011 às 18:51

Claro, só pode ;)
Imagem de perfil

De João Severino a 15.11.2011 às 19:08

A minha filha tem uma gata linda, uma persa branca. Desgosto meu: não deixa que ninguém lhe faça uma festinha...

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D