Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sulfúricas

por Laura Ramos, em 30.10.11

 

Encontrei uma solução que gostaria de apresentar.
Em vez de me cortarem um quarto no vencimento, bastaria despedir nove de entre os meus colegas que, ao longo dos anos, não escreveram dez linhas aproveitáveis. Já agora, talvez não fosse má ideia pôr na rua os docentes que não preparam aulas, os que faltam aos compromissos académicos, os que promovem os amigos e os que andam a "salvar" o mundo com propaganda que introduzem na sala de aula.

 

Maria Filomena Mónica

Expresso 29.10.2011

Autoria e outros dados (tags, etc)


18 comentários

Imagem de perfil

De Leonor Barros a 30.10.2011 às 15:27

Vi ontem no Expresso e aplaudo.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 15:48

Na mouche. Mutatis mutandis... e mais não digo.
Sem imagem de perfil

De Carlos Cunha a 30.10.2011 às 15:36

não sei porquê, mas sempre que oiço o nome "Maria Filomena Mónica" lembro-me, primeiro, de “filarmónica” e, depois, de “filarmónica fraude”, grupo pop-rock de Tomar, do final dos anos 60 do século passado.
Têm esta música curiosa ( Animais de estimação)
http://www.youtube.com/watch?v=UtRXxlZBcFo&feature=related

diz o refrão final:
"assim defino a vida de quem tem animais de estimação de vida sã: em barracas com ar condicionado bichinhos devoram croissant, cães com casaquinhos de cambraia e gatos com golinhas de astracã."

não virá muito a propósito, para além do croissant, mas é um pretexto para relembrar um grupo curioso.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 15:52

Carlos Cunha: nem imagina as vezes que eu cantarolo esse refrão! Obrigada pelo link, nunca mais tinha encontrado isto. Nunca desactualizado...
Sem imagem de perfil

De Ulisses a 30.10.2011 às 15:45

E o que terá escrito Maria Filomena Mónica de aproveitável?
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 15:53

Ulisses: bastante. E não desfaz à noite o que tece de dia.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.10.2011 às 15:55

Sei que há muitos que não a suportam, que a acham um poço de vaidade e outras coisas assim. Pode ser que sim. Mas eu gosto dela. Se Maria Filomena Mónica tem defeitos (deve ter), não me incomodam visto que não convivo com ela. Interessa-me mais o que ela tem e me toca: obra feita.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 16:15

Defeitos temos todos, nem os santos escapam. Alguns são 'inconvivíveis', de facto. Mas é como dizes: não tens de te dar com ela. E como eu digo às vezes: não me interessa, não tenho de sentar X à minha mesa. Por acaso a vaidade é daquelas coisas verdadeiramente insuportáveis, bacocas e impróprias de quem é inteligente. Mas também é verdade que anda por aí muita falsa modéstia... E que não deixa de cultivar à socapa a especialidade dos vaidosos: pisar o próximo.
Por mim, gosto de ler a MFM, que não terá o monopólio da razão mas é frontal e destemida.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 21:57

Pus-me a defender a 'relatividade' e esqueci-me de saudar o facto de concordares comigo, obrigada.:-) Uma vez palradora, tagarela para sempre... nada a fazer
Sem imagem de perfil

De Adérito a 30.10.2011 às 16:16

Então e os direitos adquiridos? Hum???, D. Filomena?
Se um gaijo andou anos a "deslizar o traseiro" pelas paredes (ª) lá do estaminé vai perder esse direito que lhe foi permitido e talvez até reconhecido pelas respectivas chefias?
Isto não é fácil... e em tempos de crise ainda menos!

(ª) o mais correcto seria "roçar o ..." mas com o acordo do coiso e porque o blog é de respeito, há que ter tento na escrita.

Cumprimentos.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 20:56

Adérito... ;))) Ainda bem que se conteve, é um gesto que, sinceramente, aprecio e lhe agradeço.
Sem imagem de perfil

De Beirão a 30.10.2011 às 18:58

Não podia estar mais de acordo com Filomena Mónica. Em vez de irem aos bolsos dos contribuintes (funcionários públicos e pensionisstas da FP ) que dão, ou deram, 'o litro', deviam simplesmente ser postos no olho da rua todas essas inutilidades de que fala a articulista, assim como todos esses trastes parasitas que, sem fazerem de útil a ponta dum corno, se alimentam do suor dos que labutam para pôr na mesa o pão de todos os dias.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 30.10.2011 às 20:59

Beirão... acho que a todos chega a hora de dizer isso, mesmo em surdina.
Sem imagem de perfil

De pink a 31.10.2011 às 09:20

Não dá para comentar com o mínimo de seriedade.

Ela e só Ela...e mais ninguém!

Perniciosa!
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 01.11.2011 às 01:35

Percebo, pink. Mas a vida, hoje em dia, não é pink. Quando nos tiram algo, olhamos em volta e pomos as garras de fora. - É a antecâmara da selva? É.
Sem imagem de perfil

De Ana a 31.10.2011 às 13:32

Não era má ideia, não. E pior ... alguns desses até ascenderam a titulares, sabe-se lá porquê. Graças a Deus que essa praga e a sua autora, a pseudo-iluminada, fazem parte do passado ... Gosta de Mª Filomena Mónica, têm uma formação académica inquestionável, é corajosa, esclarecida, autêntica. Muitos não simpatizam com ela porque aponta algumas verdades e ... torna-se incómoda, mas isso é bom e temos que saber viver com isso. Já lá vai o tempo da mordaça, foi penoso, e é bom que não volte. MFM possui uma bibliografia notável cujos livros "Bilhete de Identidade", "Vale a Pena Mandar os Filhos à Escola" e "Cesário Verde", apreciei.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 01.11.2011 às 01:44

Pois eu foram desde sempre as crónicas avulsas; o Turista à Força; o BI (também); o livro sobre o Eça de Queiroz; e o livro - polémico - sobre um dos meus chefes de estado preferidos: D. Pedro V.
Sem imagem de perfil

De Ana a 05.11.2011 às 13:39

Muito obrigada pelas dicas ... o "Eça de Queirós" já andava no meu horizonte. O pior é a falta de tempo para ler os livros que me faltam ler ... e são tantos!

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D