Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Os Buíças de Sirte

por Pedro Correia, em 24.10.11

Pensava que a esquerda radical era claramente favorável ao tiranicídio. Pensava que a esquerda radical gostava de ver ditadores executados pelas "massas populares" em vez de os ver placidamente confiados à "justiça burguesa". Afinal enganei-me: o Bruno Carvalho e a Helena Borges, que nunca choraram qualquer lágrima pelas vítimas de Kadhafi, andam a chorar a forma como o ditador foi executado. Tratou-se de um acto brutal e repugnante - de acordo. Mas será que no mesmo blogue onde escreve quem celebrou o regicídio de Fevereiro de 1908, elegendo até esse duplo crime que chocou a Europa como acto fundador da república portuguesa, sobrará um pingo de moral a alguém para se indignar agora contra os Buíças de Sirte?

Autoria e outros dados (tags, etc)


25 comentários

Imagem de perfil

De João Carvalho a 24.10.2011 às 16:33

O 5pias não é a capital da blogosfera, mas é um dos seus mais importantes centros comerciais.
Imagem de perfil

De João Severino a 25.10.2011 às 15:36

Centro comercial onde os produtos vendidos são todos Made in China...
Sem imagem de perfil

De IsabelPS a 24.10.2011 às 16:58

O mal TEM gradações. Uma execução não é a mesma coisa que matar por tortura.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 24.10.2011 às 17:37

Celebrar um regicídio não é o mesmo que chorar um tiranicídio? Concordo plenamente.
Imagem de perfil

De Laura Ramos a 24.10.2011 às 17:48

Curto, incisivo e completamente no alvo. Adorei este post.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 24.10.2011 às 21:56

A nossa esquerda radical já não é o que era, Laura. Anda demasiado lacrimejante agora.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.10.2011 às 11:04

«It's better to burn out / Than to fade away.»
Eis a lógica da coisa. Se lógica há.
Imagem de perfil

De João Severino a 25.10.2011 às 15:38

Eu também. Haja alguém que venha desmascarar a demagogia dos algozes do pensamento.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.10.2011 às 01:26

É como o queijo numa ratoeira, já cantava alguém.
Imagem de perfil

De emparteincerta a 24.10.2011 às 19:00

Como podem ainda admirar-se! Então não estão fartos de saber que, tanto para a esquerda como para a direita, de resto, os dos outros são terroristas e os nossos são revolucionários (o que quer que seja que actualmente isto queira dizer)?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 24.10.2011 às 21:59

Talvez. Mas um ditador é um ditador. Chorar pelo Kadhafi e pelo Ceausescu e não chorar pelo Mussolini e pelo Savimbi, ou vice-versa, é menosprezar a inteligência alheia. Para não dizer pior.
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 24.10.2011 às 22:26

muito bem colocada a questão.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.10.2011 às 11:04

Há que reflectir sempre um pouco, Daniel. Para não andarmos a tropeçar no próprio pé.
Imagem de perfil

De Ana Lima a 25.10.2011 às 00:37

Pedro: mesmo sem ver com atenção os posts referidos aqui concordo com a ideia geral de que os dois actos são condenáveis. Mas hão-de convir que, de um momento ao outro, passaram mais de 100 anos e muitas convenções foram assinadas incluindo a dos direitos do homem. Não posso deixar de me indignar com qualquer assassínio. Mas quando isso acontece hoje, quando se proporciona uma romaria para tantos anónimos líbios verem o corpo, ao mesmo tempo que se discute em que moldes se vai construir o novo estado é algo que me parece profundamente errado.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.10.2011 às 01:28

Entre um e outro crime passaram mais de cem anos, Ana. Mas entre um 'post' e os outros dois passou apenas um ano. O blogue é o mesmo. E a indignação selectiva até grita de ser tão evidente. Confesso: ando já cansado de tanta indignação selectiva. Passo muito bem sem ela.
Imagem de perfil

De José Maria Gui Pimentel a 25.10.2011 às 12:24

Bom, e entre Kadhafi e D.Carlos vai uma distância moral inversamente proporcional aos 100 anos que os separaram... Se é para entrarmos nesse campo, também convém ter isto em consideração.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.10.2011 às 01:27

Isso estava tão implícito que nem o tornei explícito, José Maria. Mas nunca é de mais lembrar.
Imagem de perfil

De José Maria Gui Pimentel a 25.10.2011 às 09:21

http://5dias.net/index.php?s=morreu+em+sirte

Este então é inenarrável...como é possível?

Esta esquerda parece seguir de olhos fechados uma receita simplista: os inimigos dos meus inimigos são meus amigos. Que basiquismo...
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 25.10.2011 às 10:53

Não sei qual a surpresa. Financiou uma data de grupos de esquerda.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.10.2011 às 11:02

O Luís M. Jorge já tinha apontado baterias nessa direcção, acertando em cheio. É mesmo esse o raciocínio: os inimigos dos meus inimigos (EUA e aliados europeus) meus amigos são. Por mais execráveis que sejam.
Imagem de perfil

De José Maria Gui Pimentel a 25.10.2011 às 12:28

Eu até compreendo o raciocínio, mas como auxiliar. Agora, como raciocínio principal, sem mais considerações...é inacreditável. O melhor é quando esta mesma esquerda apoia Ahmadinejad, aí as consequências desta fórmula atingem um paroxismo absolutamente inacreditável!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.10.2011 às 01:28

Até apoia o Jaquim de Pionguiangue, se for preciso.
Imagem de perfil

De João Severino a 25.10.2011 às 15:42

E tiraram a foto para que a legenda não fosse o cúmulo do ridículo.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.10.2011 às 01:28

Um bom estalinista é exímio em fazer desaparecer fotos, João.

Comentar post



O nosso livro


Apoie este livro.



Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D